Nas Bancas

Maria João Abreu, uma mulher com garra no palco do Teatro Aberto

A peça “Boas Pessoas”, do dramaturgo americano David Lindsay-Abaire e com encenação de Marta Dias, vai estar em cena no Teatro Aberto até dia 14 de fevereiro. A estreia reuniu diversas caras do mundo da representação, que elogiaram o trabalho do elenco.

CARAS
2 de janeiro de 2016, 10:00

A estreia da peça Boas Pessoas no Teatro Aberto, em Lisboa, conquistou uma plateia onde se viam muitas caras conhecidas, entre elas vários atores. “Ainda estou a assimilar tudo o que vi esta noite naquele palco. Gostei muito, diverti-me imenso. Eles estão todos maravilhosos”, elogiou Madalena Brandão no final do espetáculo.
Ainda meio atordoada com todas as emoções que viveu em palco ao longo desta peça encenada por Marta Dias, Maria João Abreu, exemplar no papel da protagonista, Margarida, uma mulher com uma vida difícil, mas que se recusa a desistir, falou entusiasmada do seu primeiro neto, Matias, que nasceu no passado dia 13 e é filho do seu filho mais novo, Ricardo Raposo. “É lindo, igual ao pai. Vai ser o nosso Menino Jesus”, disse-nos a atriz, completamente rendida.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras