Nas Bancas

Lamar Odom e Klhoe Kardashian

Lamar Odom e Klhoe Kardashian

Getty Images

Khloe Kardashian fala sobre o estado de saúde de Lamar Odom

No programa de Ellen DeGeneres.

CARAS
16 de novembro de 2015, 10:58

Um mês depois de Lamar Odom ter sofrido uma overdose que o deixou em coma durante quatro dias, Khloe Kardashian foi convidada de Ellen DeGeneres e explicou a extensão das lesões físicas e mentais que o incidente provocou no basquetebolista. Admitindo que as últimas semanas foram muito difíceis para si e para a sua família, Khloe revelou que todos mantêm o pensamento positivo no que refere à recuperação da estrela da NBA. “Ele já não está dependente de nenhuma máquina, os órgãos já estão todos a funcionar, mas ainda tem que percorrer um longo caminho. Está a reaprender a andar, a comer e a construir frases”, começou por explicar, esclarecendo que os doze acidentes vasculares cerebrais provocados pela overdose deixaram muitas sequelas: “A nível cognitivo há imensa coisa… Vai ser um processo longo. Hoje ele não conseguia construir frases, por exemplo. Mas percebe [o que dizemos]. Está muito confuso e temos de relembrar-lhe imensa coisa. Todos os dias são diferentes”.
A irmã de Kim Kardashian confessou ainda que a família e os amigos de Lamar concordaram em não lhe revelar as causas do seu estado atual, no intuito de o proteger de si próprio. “Não posso dizer-lhe. Dizemos-lhe que teve um problema no cérebro. Mas não posso revelar-lhe agora a causa desse problema. Isso ia deitá-lo abaixo”, garantiu.
Durante a sua participação no Ellen DeGeneres Show, Khloe Kardashian explicou ainda por que motivo suspendeu o processo de divórcio que tinha sido apresentado em dezembro de 2013: “Eu amo o Lamar, sempre amei. Isso não vai mudar e acho que seria muito insensível da minha parte tentar acelerar o processo numa altura tão delicada”.
Mas a estrela do reality show Keeping Up With The Kardashians já refez a sua vida amorosa e está feliz ao lado de James Harden, que compreende a sua posição em relação a Odon, garante. “Ele é de facto uma pessoa única, é o mínimo que posso dizer. Aceita tudo isto. Claro que falamos muito sobre isto. E ele apoia-me imenso e é querido comigo. O que torna as coisas mais complicadas é a imprensa e os comentários das pessoas”, esclarece, referindo-se ao facto de se ter falado numa possível reconciliação com Lamar, uma vez que tem sido um apoio incondicional nesta fase complicada.
Recorde-se que Lamar Odom foi encontrado inconsciente no quarto de um bordel de luxo em Las Vegas, Estados Unidos, no passado dia 13 de outubro.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras