Nas Bancas

O batizado da neta mais nova de Teresa d’Arriaga

Pureza, de três meses, foi batizada numa cerimónia íntima que reuniu apenas os familiares diretos.

CARAS
3 de outubro de 2015, 12:00

Um ano depois de ter teste­munhado o casamento do filho, Salvador Wahnon, Teresa d’Arriaga voltou a viver um dia feliz e repleto de simbolismo com o batizado da neta mais nova, Pureza, de três meses.
Coube à especialista em cultura francesa a responsabilidade de organizar a cerimónia, já que o filho e a mulher deste, Marta Alarcão, vivem na Cornualha, em Inglaterra. “Como eles não vivem cá, tive de tratar de tudo, desde os processos canónigos aos pormenores da cerimónia toda, como os cânticos, o que me deixou muito satisfeita. Optámos por uma cerimónia muito íntima, só com os familiares diretos, como os avós e os bisavós”, explicou Teresa, partilhando as suas emoções: “Estou muito feliz. Acho que o batismo é o sinal visível da graça invisível e para nós, que somos uma família cristã, faz todo o sentido celebrarmos este dia.”
Momentos depois de Pureza receber o sacramento de inicia­ção à vida cristã, sob o olhar atento de todos, em especial dos irmãos, Sebastião, de sete anos, e Lourenço, de dois, Salvador Wahnon declarou: “A alegria que vivi pela terceira vez com o nascimento da minha filha levou-me a cumprir a tradição familiar de sempre: levar a minha filha ao batismo, o qual celebra a sua entra­da na igreja cristã que contém os valores em que acredito.”
Após a cerimónia, foi servido um cocktail nos jardins da casa da família, no Estoril.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras