Nas Bancas

Zezé Polessa

Zezé Polessa

Alfredo Rocha

Zezé Polessa: “Todos os brasileiros gostam muito de conhecer Portugal”

Depois das gravações para a novela “Império”, a atriz aproveitou as férias para descansar em Lisboa.

CARAS
22 de setembro de 2015, 10:20

Maria José de Castro Polessa, ou, simplesmente, Zezé Polessa. É assim que o grande público a conhece. Oriunda de uma família tradicional, formou-se em Medicina por influência do pai, mas foi na representação que encontrou a sua verdadeira paixão. Tornou-se uma das caras mais conhecidas das telenovelas da Globo e por agora podemos vê-la na novela da SIC Império, onde dá vida à personagem Magnólia.
De passagem pelo nosso país para gozar uns dias de férias, a atriz, de 61 anos, conversou com a CARAS no Hotel Vila Galé Collection Palácio dos Arcos, em Paço de Arcos, onde começou por recordar as viagens anteriores a Portugal. “A primeira vez que vim foi para passear, com o meu ex-marido, o Paulo José, e o meu filho, João. Depois voltei em 1997, para fazer uma digressão com uma peça sobre a Florbela Espanca. Ficámos durante dois meses e passámos por onze cidades, como Aveiro, Porto, Beja e Lisboa. Voltei a vir há uns três ou quatro anos para uma visita rápida e desta vez fico uma semana. Agora vim mesmo para descansar!” E para esta visita em puro lazer trouxe planos concretos, como explicou: “Gosto muito de cidades e de as conhecer passeando a pé. Vou aproveitar para passear muito em Lisboa. Para um brasileiro, sentarmo-nos a olhar para o rio Tejo é muito inspirador. Acredito que todos os brasileiros devem gostar muito de conhecer Portugal, conhecer as origens, o avô... [risos] Desta vez fiquei numa zona muito central, na Avenida da Liberdade, e aprovei­tei para fazer algumas coisas que por norma uma pessoa não faz quando viaja, como ir ao cinema. Talvez porque também já conheço a cidade, sinto-me em casa. Acho que vou aproveitar para ir ouvir um fado, gosto muito.”
O filho da atriz, João, de 33 anos, é escritor e tradutor, mas poderia ter seguido os caminhos da representação, até porque também o pai, Daniel Dantas, é ator. “Quando era criança, trabalhava muito como ator. Quando fazíamos uma peça e precisávamos de uma criança, ele entrava sempre! Depois deixou de se interessar, virou-se para o mundo das Letras e agora trabalha como escritor e tradutor”, conta Zezé, confessando que um dos seus sonhos é ser avó. “Gostava muito que ele me desse um neto, mas acho que ter um filho é uma grande responsabilidade, não é para qualquer pessoa. Mas tomara que ele tenha, pelo menos um, ou uma! [risos]”
Depois de dois casamentos, a atriz está numa boa fase da sua vida e confessa que nunca esteve tão solteira. “Vim passear solteiríssima [risos]. Mas estou muito bem, apaixonada por mim mesma [risos].” O que não quer dizer que esteja de coração fechado ou indisponível para voltar a apaixonar-se. “Não sinto falta de ter alguém, mas acho que se tivesse, iria ser mais divertido, mais rico. Sempre que temos alguém e a relação é boa, é um descanso. Mas para já estou livre de amores.”
Um dos seus passatempos é caminhar e por isso, depois desta visita a Portugal, tinha planeada uma viagem ao sul de França, para fazer uma caminhada de dez dias, uma viagem de introspeção, como lhe chamou: “Depois de nove meses de gravações preciso mesmo disto. Já passei um mês com a família e agora será a altura de uma viagem de reencontro pessoal.”

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras