Nas Bancas

Iva Lamarão assegura: “Continuo com o meu coração preenchido”

Na altura em que foi feita esta entrevista, a apresentadora estava separada do futebolista André Santos, com quem se reconciliou entretanto.

Marta Mesquita
20 de setembro de 2015, 10:00

Depois de, há aproximada­mente dois meses, ter confirmado o fim do seu namoro de três anos com o jogador de futebol André Santos, Iva Lamarão, de 32 anos, deixa em aberto uma possível reconciliação, assegurando que “continuo apaixonada como sempre estive.” E a julgar pelos elogios que o futebolista tem feito nas últimas fotografias publicadas pela apresentadora nas redes sociais, comentando como ela é “bonita” ou “perfeita”, os dois parecem estar mais apaixonados do que nunca.
Apesar de não querer fazer muitos comentários sobre a sua vida sentimental, a apresentadora do Fama Show conversou com a CARAS e revelou um pouco mais da mulher que se resguarda por detrás de uma aparência reservada e tímida.
– Assumiu publicamente o fim do seu namoro com André Santos. Como está a viver esta nova fase?
Iva Lamarão
– Bom, confes­so que não me quero alongar sobre esse assunto... Posso dizer que estou feliz e que continuo apaixonada como sempre estive. Continuo com o meu coração preenchido. É o que tenho a dizer.
– Mas houve uma reconciliação?
– Não quero mesmo falar sobre esse lado da minha vida. Tornei pública a minha relação com o André e entendo que as pessoas tenham curiosidade sobre esse meu lado. Mas quando há um desentendimento ou um problema entre nós, parece que temos de dar uma justificação qualquer... Claro que não temos de o fazer, porque é a nossa vida privada. O importante é que as pessoas saibam que continuo feliz e apaixonada. Não quero fazer da minha vida sentimental uma novela.
– A Iva parece ser uma pessoa reservada e tímida. É mesmo assim ou é só aparência?
– Bom, sou sempre suspeita para falar sobre mim... Na verdade, sou tímida e reservada quando não conheço as pessoas ou o ambiente em que estou. Não sou uma pessoa que se dá logo e, de facto, dizem-me que sou caladinha. Contudo, quando me conhecem melhor, surpreen­dem-se! Quando começo a falar não me calo! Também gosto de dizer piadas.
– Gosta de surpreender?
– Gosto, até porque adoro desconstruir a imagem que as pessoas têm de mim. Tanto sou muito tranquila e discreta como divertida e efusiva.
– E que mais se pode saber sobre a Iva de todos os dias?
– Sou uma pessoa que gosta de estar bem disposta, de passar boa energia às pessoas que me rodeiam. Sou prática e desdrama­tizo as dificuldades do dia-a-dia. Claro que também tenho os meus dramas, mas encaro a vida com energia positiva.
– E é mais racional ou emotiva? Faz as suas escolhas com a cabeça ou com o coração?
– Sou muito emotiva, mas com a maturidade passei a ser mais racional. Hoje em dia penso bastante antes de tomar uma decisão. Claro que nas pequenas coisas do dia-a-dia continuo a agir muito por impulso e sou comandada pela emoção, mas pondero bastante antes de tomar uma decisão importante.
– É, portanto, uma mulher que evita ter arrependimentos...
– Sim, sem dúvida.
– Está há mais de três anos no Fama Show. Continua a sentir-se motivada por este projeto?
– Sim, muito. Estou a trabalhar com mulheres e com uma equipa de excelentes profissionais com quem tenho aprendido muito. Têm sido três anos e meio maravilhosos e sinto-me muito bem por fazer parte desta equipa. É um trabalho que me tem feito crescer.
– Mas não sente vontade de abraçar novos desafios?
– Sinto-me muito agradecida por estar a apresentar o Fama Show e a emissão do Totoloto, mas devo confessar que ambiciono novos desafios, sim. Ao fim destes anos sinto-me preparada para fazer outras coisas, mas não é uma escolha que dependa de mim. Todos os profissionais sentem vontade de passar para uma nova fase. Contudo, não me sinto a estagnar com o Fama Show, porque é um programa que está no ar há vários anos e que nos obriga a trabalhar a nossa criatividade.
– E sente que já provou que é mais do que uma ‘cara bonita’?
– Sinto que tenho sempre algo a provar. Nunca posso achar que as coisas estão garantidas. E isso não acontece só na televisão! Tenho sempre que provar que sou mais do que um rosto engra­çado até no meu dia-a-dia.
– Mas isso acaba por ser muito exigente para si...
– Sou muito exigente comigo própria. Quando não faço algo tão bem, fico à espera de uma nova oportunidade para poder provar que consigo fazer melhor. Tenho um grau de exigência elevado e, por isso, procuro sempre ouvir as opiniões de quem me possa ajudar a evoluir.
– Para si é mais importante um elogio ou uma crítica?
– Não gosto muito que me elogiem... Gosto mais da crítica construtiva do que do elogio. Um elogio deixa-me constrangida, a crítica parece-me mais verdadeira. Não há ninguém que faça tudo bem e certinho. Faz parte do percurso errarmos.
– E o trabalho é a sua grande prioridade ou precisa de ter tempo para a sua vida pessoal para se sentir bem e equilibrada?
– Tem de haver tempo para a minha vida pessoal, porque só assim me sinto equilibrada. Contudo, nesta altura da minha vida estou bastante focada na minha carreira. Moro sozinha em Lisboa, tenho as pessoas de quem gosto longe, portanto, estou aqui para trabalhar. A nível pessoal, sinto que arrasto as coisas, porque ainda tenho tempo para me casar ou para ter filhos.
– Mas isso pode conduzir a um estilo de vida solitário...
– Sim, e às vezes sinto-me sozinha. Contudo, tenho um
dia-a-dia tão agitado que nem tenho muito tempo para sentir isso.
– Apresentou recentemente o seu blogue, A Curiosa by Iva Lamarão. O que pretende com este projeto?
– Com o meu blogue quero partilhar com o público o meu lado mais curioso. A curiosidade é mesmo algo que me move. Procuro assuntos relacionados com a minha formação académica, na área da Bioquímica, e simplifico a informação para transmiti-la.
É algo que me tem estimulado. Não quero estagnar.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras