Nas Bancas

Kanye West e Kim Kardashian

Kanye West e Kim Kardashian

Getty Images

Kim Kardashian e Kanye West ganham processo contra fundador do YouTube

O casal receberá uma indemnização no valor de 390 mil euros.

CARAS
30 de agosto de 2015, 13:00

Chad Hurley, fundador do YouTube, terá de pagar cerca de 390 mil euros a Kim Kardashian e Kanye West por violar a privacidade do casal, avança o site TMZ. O caso remonta a 2013, altura em que duas estrelas apresentaram um processo em tribunal por o canal de vídeos mais famoso do mundo ter publicado imagens inéditas da sua festa de noivado.
De acordo com a mesma publicação, Hurley infiltrou-se no estádio de basebol AT&T Park, em São Francisco, Estados Unidos - onde o rapper pediu a socialite em casamento - filmou o momento romântico e divulgou as imagens no YouTube. O que deixou o casal furioso foi o facto desta violação de privacidade ter colocado em causa o acordo de exclusividade das imagens que tinha com a produtora do reality show Keep Up With The Kardashians, que devia revelar o grande momento em primeira mão.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras