Nas Bancas

Céline Dion e o filho mais velho, René-Charles Angélil

Céline Dion e o filho mais velho, René-Charles Angélil

Getty Images / D.R.

Filho mais velho de Céline Dion revoltado com a doença do pai

René-Charles tem alguma dificuldade em lidar com o débil estado de saúde de René Angélil.

CARAS
29 de agosto de 2015, 14:45

A família de Céline Dion está a viver uma fase muito complicada. Embora tenha problemas de saúde há muitos anos, o marido da cantora, René Angélil, de 73 anos, nunca esteve tão frágil como agora que luta contra um cancro da garganta em fase bastante avançada. Esta semana, a artista regressou aos palcos depois de mais de um ano de afastamento para estar ao lado da sua cara-metade neste momento delicado e revelou que, atualmente, nem os médicos dão certezas. “Já perguntámos aos médicos várias vezes quanto tempo de vida lhe resta. Três semanas, três meses? O René quer saber, mas nem os próprios médicos sabem dizer-lhe”, afirmou Céline Dion durante uma entrevista para o jornal USA Today, admitindo que o fim pode estar próximo.
Nesta ocasião, a intérprete de My Heart Will Go On explicou ainda que dos três filhos do casal - René-Charles, de 14 anos, e os gémeos Eddy e Nelson, de quatro - quem naturalmente mais sofre é o adolescente, pois os mais novos ainda não têm a real perceção da situação. “Tento explicar às crianças que a doença e as coisas complicadas fazem parte da vida e que não podemos estar sempre a chorar ou deprimidos. Às vezes é mais difícil para o René-Charles ver o pai tão debilitado, pois durante muito tempo ele foi a sua força e a sua âncora. Eles sempre foram muito unidos e atualmente a relação entre ambos está mais difícil”, afirmou a artista. De referir que já em março último, quando ainda não tinha admitido publicamente que estava preparada para o pior, Céline Dion tinha afirmado que o filho mais velho se recusava a aceitar a doença ou sequer a falar dela.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras