Nas Bancas

Kim Kardashian poderá ter de retirar o útero após a segunda gravidez

A 'socialite' fez a relação durante uma entrevista à revista 'C'.

CARAS
28 de agosto de 2015, 17:35

Kim Kardashian quebrou o silêncio sobre os 'mistérios' que rodeiam a sua segunda gravidez. Numa entrevista à revista C, da qual é capa, a socialite contouque, após o nascimento do segundo filho, um menino, poderá ter de retirar o útero. "Eles [os médicos] acham que vou ter outra vez placenta accreta [nome que é dado quando a placenta cresce muito profundamente na parede uterina]. Por isso, se a placenta crescer mais do que da última vez, os médicos estão preparados para remover o útero. É um bocadinho assustador", disse.
A estrela da série Keeping Up with de Kardashians admitiu que, depois de ser mãe de North, há dois anos, foi muito difícil engravidar novamente. "Eu ia para o médico em Beverly Hills todos os dias, às cinco da manhã, para fazer o teste para ver se estava a ovular", explicou Kim, de 34 anos, adiantando que está muito feliz com a segunda gravidez. "Sinto-me sortuda e não sinto que vá sofrer uma pré-eclâmpsia. Da última vez,contribuiu não só para o meu aumento depeso, como para o inchaço".
A mulher do rapper Kanye West acrescentou que, desta vez, está mais tranquila com a ideia de ser mãe. "Quando estava grávida da North pensava, 'A minha vida vai ser tão agitada, como é que vou levá-la às aulas de ballet e de futebol?' Tinha essas preocupações e estava realmente apavorada. Mas agora, quando as coisas acontecerem, sabemos o que fazer instintivamente", concluiu.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras