Nas Bancas

Céline Dion emocionada no regresso aos palcos

A cantora estava afastada há um ano para acompanhar o marido, René Angélil, que luta contra um cancro da garganta.

CARAS
28 de agosto de 2015, 13:57

Poucos dias depois de ter aberto o coração e falado do drama familiar que vive há cerca de um ano, Céline Dion não escondeu a emoção ao subir ao palco do Caesars Palace, que tão bem conhece, em Las Vegas. O marido da cantora, René Angélil, que a acompanhava para todo o lado, foi o grande ausente desta noite, uma vez que luta contra um cancro na garganta. Foi aliás o estado de saúde do empresário que motivou o afastamento da artista, que agora está de regresso e confessa que as suas músicas que falam de amor adquiriram um novo significado. “Cantei estes temas durante tanto… Mas agora sinto que as canto realmente. Para mim são músicas novas, as letras têm mais significado do que nunca”, afirma, acrescentando que é pela sua família que volta a cantar: “Os meus três filhos [René-Charles, de 14 anos, e os gémeos Eddy e Nelson, de quatro] e o meu maravilhoso marido queriam-me aqui. Não tenho a certeza de estar preparada para cantar esta noite. Mas era preciso tomar uma decisão e decidimos juntos que este era o caminho a seguir”.
Embora ausente, René pôde assistir ao espetáculo a partir de casa e a artista deixou-lhe a seguinte mensagem: “Promete-me uma coisa: aproveita, deixa-te levar. Amo-te”.
Aldo Giampaolo, representante de Céline Dion, deu depois pormenores acerca do estado de saúde do empresário. “Fez um tratamento há poucos dias e precisa de tempo para recuperar. Se viesse toda a gente quereria falar com ele, por isso considerámos que seria melhor que ficasse em casa”, explicou.
Recorde-se que há apenas alguns dias, Céline Dion contou que o marido pediu “para morrer nos [seus] braços” e que está disposta a satisfazer a sua vontade. “Acredito que é ele quem me dá forças. Não para de me surpreender. Quando fala comigo, tomo notas. Este é o momento dele… E será tudo como ele quer que seja”, disse, esclarecendo que tem feito o que está ao seu alcance para que os filhos encarem esta fase menos boa da melhor forma: “Tenho tentado mostrar-lhes que a doença é algo que às vezes temos de enfrentar e que não podemos estar constantemente a lamentar-nos”.
A cantora tem agendados 40 concertos em Las Vegas até ao dia 17 de janeiro e planeia também lançar um novo álbum em francês no próximo ano e outro em inglês em 2017. No final do espetáculo que marcou o seu regresso à cidade dos casinos, da diversão e dos casamentos instantâneos, Dion mostrou-se agradecida pelo carinho do público: “Obrigada por todo o vosso amor. Esta noite não foi um regresso, não foi um novo espetáculo. Esta noite foi, na verdade, um novo recomeço”.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras