Nas Bancas

Eu fui capa da CARAS!: Júlia Pinheiro

Personalidades recordam a primeira capa que fizeram para a CARAS, no nosso primeiro ano de vida.

CARAS
8 de julho de 2015, 12:00

“Oh, olha eu tão nova!” A apresentadora e diretora de Conteúdos da SIC foi repetindo a frase enquanto seguia pelos corredores do estúdio onde faz diariamente o direto Queridas Manhãs ao lado de João Paulo Rodrigues, a quem fez questão de mostrar a primeira entrevista que deu à CARAS, em dezembro de 1995. “Estas fotografias trazem-me boas recordações”, confessa Júlia Pinheiro ao rever os filhos tão pequenos (na altura Rui Maria tinha sete anos e as gémeas Carolina e Matilde dois) e algo nostálgica por recordar a casa onde então vivia, em Caxias. “Agora sou uma lisboeta convicta, é mais prático, mas tenho sempre algumas saudades desta casa”, conta Júlia, falando com orgulho do percurso que os filhos fizeram nestes 20 anos. “A Matilde está a fazer dois cursos ao mesmo tempo, Ciência Política e Direito”, revela, rindo-se com a observação de que terá herdado a energia da mãe, “a Carolina deixou Direito e vai começar Psicologia”, adianta. Sobre o percurso televisivo do filho, não esconde o orgulho ao relembrar que conseguiu tudo por mérito próprio: “Foi às escondidas fazer o casting!” .
Na época desta capa, Júlia Pinheiro conduzia A Noite da Má Língua e sabia que não ficaria por aí: “Eu refletia muito sobre o que queria fazer e tinha a perceção de que gostaria de crescer mais um bocadinho na televisão.” O futuro provou que tinha razão.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras