Nas Bancas

Pamela Anderson recebe título de condessa em Itália

A atriz foi nomeada condessa de Gigli por Stephan Cernetic, autoproclamado príncipe do Montenegro. 

CARAS
23 de junho de 2015, 15:21

Pamela Anderson parece ter deixado a sua veia de sex symbol para se dedicar a causas nobres. A atriz foi nomeada de condessa de Gigli pelo autoproclamado príncipe do Montenegro, Stephan Cernetic, numa cerimónia que decorreu em Génova, Itália.
Este título foi-lhe concedido devido ao "ativismo em defesa dos animais, principalmente quanto à vida marinha nos nossos oceanos". "Reconheço que o perfil único que tenho e a oportunidade que isso me dá para usar o meu estatuto de celebridade pelo bem e para comunicar pelo que é realmente importante, pelos vulneráveis que não podem falar por eles próprios e pelo ambiente. O seu reconhecimento da minha paixão por salvar vidas e trabalhar por ecossistemas mais saudáveis é muito importante para mim", disse.  
Os filhos de Pamela, Dylan e Brandon, foram também nomeados cavaleiros honorários, tal como esta explicou nas redes sociais, onde partilhou uma montagem de fotografias da cerimónia. "Sua Alteza Real, estou muito agradecida - e feliz - por aceitar estas honras em meu nome e dos meus filhos. Isto é um incentivo para que Dylan e Brandon se empenhem ainda mais no trabalho e nos seus grandiosos e brilhantes futuros. E estou muito entusiasmada para trabalhar com a Associação de Vida Marinha do Mediterrâneo", escreveu a atriz, de 47 anos. 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras