Nas Bancas

Tiago Pais Dias e Marisa Liz: “Para nós a música é muito mais do que trabalho”

Marisa Liz e Tiago Pais Dias são membros da banda Amor Electro e um casal. Da relação de 14 anos já nasceram Tiago, de 6 meses, e Beatriz, de 6 anos.

Sofia Lourenço
2 de maio de 2015, 16:00

Confirmam-se fãs do que é nacional e do que valoriza Portugal, por isso, Tiago Pais Dias e Marisa Liz, elementos da banda Amor Electro (e tam­bém um casal, com dois filhos, Beatriz, de seis anos, e Tiago, de seis meses), não hesitaram em aceitar o desafio proposto pelo Lidl de criar uma música em português comemorativa dos 20 anos da marca no nosso país. No miradouro das Portas do Sol, conversámos com os dois momentos antes de ser apresentada a canção que criaram.
– Esta campanha marca um encontro entre gerações, muito como a vossa música...
Marisa Liz – Sim, é verdade. É um encontro entre o tradicional e o moderno, que é aquilo em que se baseia o estilo musical dos Amor Electro, também por isso surgiu o convite para o Luís Sequeira, que é um cantor novo e ainda está a começar, integrar este projeto. No fundo, é este o conceito deste aniversário, juntar toda a gente.
– É difícil criar uma música a pedido? São impostos muitos limites?
Tiago Pais Dias – Eu acho que o convite que nos fizeram já teve em conta aquilo que nós representamos em termos musicais. Não existiram limites porque a música que criámos reflete as nossas influências, não é uma música que se possa considerar um jingle comercial. É uma canção com um refrão, com eletrónica, rock e fado, não é nada que seja completamente distinto do que nós fazemos, muito pelo contrário.
– Além de estarem na mesma banda, são um casal e têm dois filhos. Como é que equilibram tudo isto?
– Não é fácil, mas tanto eu como o Tiago sabemos que a nossa prioridade é a família e tentamos ao máximo gerir a nossa vida profissional de forma a que os nossos filhos possam vir connosco para o trabalho, por exemplo. Ainda assim, passamos muito tempo com a Beatriz e o Tiago, até mais do que a maior parte das pessoas.
– E separam as águas, entre trabalho e vida pessoal?
– Não! Misturamos tudo, falamos de trabalho em casa e da vida pessoal no trabalho [risos], para nós a música é muito mais do que o nosso trabalho, é aquilo que nos dá prazer, faz parte da nossa vida há muito tempo. A composição do disco é feita em nossa casa, num ambiente familiar, e até já aconteceu a nossa filha dar ideias para um tema.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras