Nas Bancas

Dora regressa aos palcos na mesma noite em que se torna avó

Filipe La Féria viu Dora numa audição e escolheu-a para o musical. Na estreia fez questão de elogiar o talento da cantora, que esteve dois anos afastada dos palcos.

CARAS
18 de abril de 2015, 12:00

Depois de ter estado afastada dos palcos por não ter convites de trabalho na área da música e da representação, Dora regressa agora como uma das estrelas do novo musical de Filipe La Féria. “Foi um milagre, foi fantástico e foi um sonho há muito esperado. Foi um desejo realizado. Este é o meu palco favorito de todos os tempos, tenho uma ligação muito forte com este palco, por isso foi como voltar a casa”, explicou, no fim do espetáculo e já menos nervosa. “Fui à audição, mas não estava à espera de passar. Só fui porque achei que tinha uma obrigação moral para comigo e o Sr. Filipe La Féria chamou-me e foi maravilhoso. Foi o primeiro espetáculo que fiz com ele, mas espero que seja o primeiro de muitos. É uma honra. Foi fantástico trabalhar com ele, é um mestre, um professor, sabe tão bem o que está a fazer que é um privilégio aprender com ele”, assumiu. Muito contente com este regresso, a cantora de Não Sejas Mau Para Mim admite que não sente nenhuma mágoa por estes anos que esteve afastada dos palcos. Muito pelo contrário. “Já não trabalhava assim há dois anos. Estive no McDonald’s e noutros sítios também dentro da área da restauração. Mas prefiro não falar sobre isso. Sinceramente, todos nós temos de viver os tempos maus e não há espaço para o ressentimento, só para a gratidão”, sublinhou. Na verdade, gratidão é a palavra correta para descrever a noite em que Dora se estreou com o musical A Noite das Mil Estrelas, mas também como avó. “Estou muito feliz e radiante. Hoje sinto profunda gratidão, não só porque nasceu o meu neto, o meu primeiro neto. Chama-se Xavier, nasceu em Londres e é filho do meu filho mais velho, o Simão. Juntamente com a estreia, hoje só sinto gratidão e agradeço a Deus profundamente, ao Sr. Filipe La Féria, aos meus filhos e ao meu companheiro”, admitiu, reconhecendo que o dia 9 de abril ficará para sempre marcado na sua vida por esta dupla coincidência mais do que feliz. Agora, Dora aguarda a chegada do neto, que virá a Portugal conhecer a avó nos próximos meses. Discreta, preferiu não revelar quem é o seu companheiro, que tanto a tem apoiado nesta fase.  

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras