Nas Bancas

Daniela Hanganu: A estrela portuguesa no desfile da Chanel

"Tenho de continuar a trabalhar, porque o caminho para o sucesso é muito árduo e longo".

CARAS
7 de fevereiro de 2015, 16:00

A passerelle é circular. No centro do Grand Palais, em Paris, um jardim cheio de flores que se estendem à coleção que Karl Lagerfeld desenhou para a Casa Chanel. A desfilar estão 48 manequins, entre elas a porto-riquenha Joan Smalls e a irmã mais nova de Kim Kardashian, Kendall Jenner.  Mas também há uma portuguesa a participar no desfile de alta-costura da maison francesa. Daniela Hanganu, de 17 anos, manequim há três. Nasceu na Moldávia e tinha cinco anos quando veio para o nosso país. Estuda no 12.º ano – quer seguir Gestão e Marketing –, mas neste momento está de olhos postos na moda. E a imprensa nacional está de olhos postos nela. Para sabermos mais sobre esta manequim em ascensão agenciada pela Central Models – e que passará os primeiros meses do ano a trabalhar em Paris –, a CARAS falou com ela depois do desfile.
– Desfilar para a Chanel é um dos pontos altos da carreira de uma manequim?
Daniela – Foi importante fazer o desfile, mas há muitos objetivos para conquistar. Adorava desfilar para marcas como a Elie Saab, Christian Dior, Louis Vuitton, Victoria’s Secret e tantas, tantas outras...
– Nos bastidores há alguma proximidade com Karl Lagerfeld ou a equipa trata de tudo por ele?
Algumas manequins que já o conheciam falavam com ele, mas eu, como novata, não tive proximidade. Durante as provas sorriu, disse-me que era bonita e que a roupa me ficava bem. Gostei muito de o conhecer, é uma das mais importantes figuras da moda mundial, por isso é lisonjeador este contacto com ele.
– Com esta participação, vai ganhar uma nova projeção como manequim...
Sim, foi um excelente início em Paris, mas tenho de continuar a trabalhar, porque o caminho para o sucesso é muito árduo e longo.
– Estar ao lado de modelos com projeção mundial intimida-a?
Claro! Eram raparigas que sonhava tanto conhecer. Estar ao lado delas parecia irreal.
– A Sara Sampaio, que é a top model portuguesa do momento, fez-lhe alguns elogios. É um orgulho?
Sim, ela é das manequins que mais admiro, é fantástica, quer pelos inúmeros sucessos que conseguiu na carreira, quer pela personalidade forte e determinada. Ela foi uma das minhas maiores inspirações, e espero um dia poder ter uma carreira grandiosa como a dela.
– O que é que se segue?
Não sei... Vou continuar a trabalhar para subir mais uns degraus na escadaria do sucesso...

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras