Nas Bancas

Dânia Neto traumatizada com assalto que lhe custou cerca de 200 mil euros

A atriz vai mudar de casa e talvez recorrer à terapia para ultrapassar o incidente. Desde então, tem ficado em casa do namorado.

CARAS
7 de fevereiro de 2015, 12:00

A casa de Dânia Neto foi assaltada na passagem do ano e a atriz ainda se sente traumatizada pelo incidente. Dânia admite procurar ajuda médica para ultrapassar a situação, como nos contou na apresentação da nova coleção de sapatos da marca Aldo, em Lisboa: “A violação de privacidade é tão grande que até temos pudor ao mudar de roupa na nossa própria casa, temos a sensação de que há alguém a olhar para nós. Começamos a entrar num estado quase de paranoia em que achamos que toda as pessoas estão a olhar para nós, que se calhar sabem ou lá estiveram. E quem lá esteve sabe, eu é que não sei quem foi. Quem esteve na minha casa roubou muita coisa, com acesso direto a toda a minha informação. Por isso, se for necessário ter terapia ou falar com alguém para desmitificar um bocadinho isto e para me apaziguar, claro.”
Desde então, Dânia tem dormido na casa do namorado, Marcelo Resende, pois não consegue voltar para a sua. “Instalei um sistema de videovigilância, ligado a uma central 24 horas por dia, mas não me sinto bem em casa. Não penso em voltar a viver naquele sítio. Deixou de ser o meu porto de abrigo”, desabafa, revelando ainda que lhe roubaram bens no valor de cerca de 200 mil euros e que não tem esperança de recuperar nada.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras