Nas Bancas

Laurinda Farmhouse

Laurinda Farmhouse

Paulo Jorge Figueiredo

Laurinda Farmhouse recorda vestido de noiva de D. Isabel

A costureira portuguesa vestiu, há 20 anos, D. Isabel de Bragança no dia do seu casamento, no ano em que nascia também a CARAS, como lembramos nas páginas seguintes.

CARAS
4 de fevereiro de 2015, 10:45

Laurinda Farmhouse, figura incontornável da alta costura em Portugal, foi uma das personalidades que o relações públicas Abel Dias convidou para ir conhecer o novo restaurante Hollywood Canteen, em Lisboa, num jantar que teve por tema “Remember Fashion’s Friends”. “Toda a minha vida estive liga­da à moda. Há 50 anos que o faço”, contou a costureira, que continua a vestir D. Isabel de Bragança e Maria Barroso: “Tudo o que têm e vestem é meu! E faço também [os figurinos para] os musicais do Filipe La Féria.” E precisamente porque esta semana recordamos o casamento dos duques de Bragança, a propósito dos 20 anos da CARAS, pedimos a Laurinda Farmhouse que recordasse o vestido que criou para D. Isabel. “Lembro-me como se fosse hoje! Já a vestia an­tes do casamento. Conheço a D. Isabel muito bem e continuamos amigas. Dei-lhe meia dúzia de opções, todas ao seu gosto, e ela escolheu a que mais lhe agradou”, contou, recordando um pedido especial: “Queria que os bordados tivessem uma característica do nosso país e os bordados do vestido dela tinham os motivos de Nisa. Deu-me muito gozo fazer o vestido, na altura era uma honra, desde 1886 que não havia um casamento real no nosso país.”

 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras