Nas Bancas

Morreu Luiz Arouca, ex-reitor da Universidade Independente

Economista estava envolvido no processo ligado à licenciatura de José Sócrates

CARAS
27 de novembro de 2014, 20:12

 Luiz Arouca morreu hoje, dia 27, no Hospital de Cascais, onde se encontrava internado há vários dias, após sofrer um acidente vascular cerebral.

O seu corpo irá estar em Câmara Ardente na Igreja de Santo Condestável, em Campo de Ourique, a partir das 14 horas de dia 28, e o funeral será realizado no sábado, no Cemitério dos Olivais.

Luiz Frederico Marques dos Santos Arouca nasceu em Lisboa em julho de 1934. Cursou no Liceu de Pedro Nunes, em Lisboa, e no Liceu Nacional de Faro. Licenciou-se em Engenharia Civil no IST em 1957. Bolseiro da JMGIU, diplomou-se pelo ICHE na Delftse Technische Hogeschule da Universidade de Delft em 1958. Após a conclusão do serviço militar, matriculou-se como voluntário no ISCEF em 1962, cuja licenciatura em Economia concluiu em 1967. Em novembro de 1973, entregou no ISCEF a sua tese de doutoramento em economia subordinada ao título Teoria e Prática do Planeamento Socialista: - algumas considerações sobre o actual planeamento socialista. 

Com um vasto currículo profissional e académico, Luiz Arouca foi fundador e reitor da Universidade Independente até à data do seu encerramento, a 9 de abril de 2007, por ordem do então ministro do Ensino Superior, Mariano GagoEm fevereiro de 2009, após uma investigação iniciada em 2006, Luiz Arouca passou a ser um dos 26 arguidos constituídos pelo Ministério Público pelos crimes de burla agravada, abuso de confiança, corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais, entre outros. O processo ainda decorre em tribunal. 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras