Nas Bancas

Sara Moreira premiada no Porto: “A fasquia está cada vez mais alta”

Depois de ter conquistado o terceiro lugar na Maratona de Nova Iorque, Sara Moreira recebeu, de João Borges, o prémio Femina por mérito no Desporto com resultados notáveis e contributo para o prestígio nacional.

CARAS
21 de novembro de 2014, 10:30

Dias depois de ter emocionado o país ao dedicar ao filho o terceiro lugar que conquistou na Maratona de Nova Iorque, a atleta Sara Moreira fez o balanço de uma das semanas mais intensas da sua vida. “Tudo começou com o primeiro aniversário do Guilherme, depois veio o terceiro lugar na Maratona de Nova Iorque e agora o prémio Femina. Estou muito orgulhosa de tudo o que tenho conseguido ao longo dos últimos anos. A fasquia está cada vez mais alta, mas vou continuar a trabalhar para me superar”, afirmou, recuperada das saudades do filho. “Só a presença do Guilherme faz de mim uma pessoa melhor e mais feliz”, disse ao lado do marido e treinador, Pedro Ribeiro. Juntos há dez anos, Sara e Pedro casaram-se em 2010 e foram pais pela primeira vez no ano passado. Discreto, Pedro Ribeiro declarou: “Estou muito orgulhoso da Sara!”

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras