Nas Bancas

Pantoja.jpg

DR

Cantora espanhola Isabel Pantoja condenada a dois anos de prisão

A artista, que conheceu a sentença em 2013, entrou hoje de manhã na prisão Alcalá de Guadaira, em Sevilha.

CARAS
21 de novembro de 2014, 12:37

Isabel Pantoja, condenada em 2013 a dois anos de prisão por branqueamento de capitais, deu esta manhã entrada na cadeia Alcalá de Guadaíra, em Sevilha. De semblante carregado e óculos de sol, a cantora espanhola chegou ao estabelecimento prisional de carro por volta das 8 horas (hora local), acompanhada pelo irmão, Agustín.
A entrada na prisão deu-se um dia após a Audiência Provincial de Málaga ter rejeitado o recurso de súplica de Pantoja, ordenando que esta se apresentasse no estabelecimento prisional no prazo de três dias.
Isabel Pantoja, de 58 anos, foi ainda condenada a pagar uma multa de um milhão de euros no âmbito do caso Malaya, iniciado em junho de 2012 sobre a corrupção que arrasou Marbella ao longo de várias décadas. Segundo os tribunais, ficou provado que, durante dois anos, a cantora permitiu o branqueamento de rendimentos ilícitos provenientes da câmara de Marbela devido à relação com o antigo companheiro, Julián Muñoz, então presidente da autarquia.   

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras