Nas Bancas

Halle Berry quer reduzir valor da pensão de alimentos dada à filha

A atriz recusa-se a pagar os 12.800 euros mensais estipulados por um tribunal de Los Angeles no passado mês de junho.

Redação CARAS
3 de novembro de 2014, 13:24

Voltaram a surgir problemas entre Halle Berry e Gabriel Aubry. Cansada de sustentar a vida do modelo, de quem se separou em 2012, depois de dois anos de vida em comum, a atriz solicitou uma redução da pensão de alimentos da filha de ambos, Nahla, de seis anos, de 12.800 euros mensais para 3040 euros, de acordo com informações oficiais avançadas ao TMZ.
O advogado da protagonista de Catwoman apresentou em tribunal vários documentos que demostram que Aubry utiliza o dinheiro destinado à filha em benefício próprio. Nos papéis, publicados pelo site de celebridades, o advogado da atriz discrimina as despesas de Aubry: 592 euros para o ginásio, 752 euros em roupa para o manequim canadiano e 540 euros em roupa para Nahla, 560 euros para o seu seguro de saúde, 1580 euros em gastos do carro e 880 euros em móveis e eletrónica.     
Já Gabriel Aubry alega que, desde que se envolveu numa acesa discussão e consequente agressão a Olivier Martinez, atual marido de Halle Berry, só consegue arranjar trabalhos como modelo, o que o impede de encontrar um trabalho fixo para que lhe permite ser um pai responsável.
Recorde-se que Halle Berry, de 48 anos, e Gabriel Aubry, de 39, têm a guarda partilhada da menina e a pensão de alimentos terá de ser paga até que esta complete 19 anos. 

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras