Nas Bancas

Noite de Óscares à portuguesa cria no CCB ambiente digno de Hollywood

Os Prémios Sophia distinguiram Rita Durão como melhor atriz, Pedro Hestnes como ator, e Joaquim Leitão como realizador. “Comboio Noturno para Lisboa” foi o melhor filme.

Redação CARAS
21 de outubro de 2014, 21:26

A terceira edição dos prémios Sophia,  atribuídos pela Academia Portuguesa de Cinema, distinguiu no passado dia 8 de outubro, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, várias figuras do cinema feito em Portugal. A cerimónia foi conduzida pela modelo e apresentadora Ana Sofia Martins, que referiu: “Acho que tenho vindo a desenvolver um trabalho de que as pessoas gostam e daí ter surgido este convite. Estou muito contente, mas nervosa, no fim de contas estamos a falar dos Óscares à portuguesa! É uma grande responsabilidade.”
Presente no evento, Catarina Furtado revelou à CARAS a vontade de voltar a representar, ainda que não tivesse desvendado pormenores sobre um possível novo projeto. “Tenho imensas saudades de representar, e quando há essa vontade, tento mexer-me de forma a que as coisas aconteçam.”
Esta entrega de prémios proporcionou também uma breve conversa com Alexandra Lencastre, que revelou estar de volta ao cine­ma: “Vou entrar no filme Leão da Estrela do Leonel Vieira, com o papel de Sr.ª Barata.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras