Nas Bancas

Cerimónia de entrega do Prémio António Champalimaud reúne personalidades

O prémio foi este ano atribuído a sete cientistas que desenvolveram uma terapia eficaz para o tratamento de duas das principais causas de perda de visão e cegueira no mundo: a degenerescência macular relacionada com a idade e a retinopatia diabética

Redação CARAS
25 de setembro de 2014, 17:30

O Prémio António Cham­palimaud de Visão, que desde 2007 distingue anualmente o trabalho de investi­gadores nesta área da ciência, foi este ano atribuído a sete cientistas que desenvolveram uma terapia eficaz para o tratamento de duas das principais causas de perda de visão e cegueira no mundo: a degenerescência macular relacionada com a idade e a retinopatia diabética.
Devido à previsão de chuva, a cerimónia deste ano realizou-se no anfiteatro interior da Fundação Champalimaud, que acolheu várias dezenas de personalidades, entre elas o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, ou Manuela e António Ramalho Eanes.
Presentes estiveram, também, os familiares do falecido António de Sommer Champalimaud. E como já se tornou hábito, coube a Maria Luísa Champalimaud, filha do industrial, recordar o pai: “Passaram dez anos desde a morte do meu pai. A saudade que sinto da sua presença tem sido compensada com a pujança da obra que nos deixou através desta fundação. Hoje celebramos a oitava edição deste prémio, que tem ajudado organizações e cientistas que lutam contra as doenças da visão, dando-lhes alento e estímulo. Todo o sucesso desta fundação se deve ao extraordinário trabalho de Leonor Beleza [presidente da insti­tuição], que em pouco tempo colocou o Centro Champalimaud entre as instituições de referência no mundo da ciência e do tratamento do cancro.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras