Nas Bancas

Filipe la Féria põe plateia de famosos a rir à gargalhada no Teatro Politeama

A estreia do espetáculo reuniu uma plateia de famosos, que passaram uma noite a rir-se com os eventos mais marcantes do último ano em Portugal.

Redação CARAS
4 de agosto de 2014, 15:30

A profusão de luzes, a decoração cuidada, com direito a passadeira vermelha, e muitos convidados vestidos a rigor à entrada do Teatro Politeama deixavam perceber que era noite de estreia: Filipe La Féria tem novo espetáculo, desta vez uma revista, a que deu o título de Portugal à Gargalhada. “Nesta altura de crise, em que as pessoas se lamentam e choram tanto, temos mesmo é de rir! Estão todos convidados para virem rir: rir de nós próprios, de Portugal, das nossas sombras, da situação política. É uma revista em que se brinca com os principais eventos do último ano no nosso país”, explicou o encenador à CARAS.
No palco, as estrelas encarregadas de provocar gargalhadas eram Marina Mota, Maria João Abreu, Joaquim Monchique e José Raposo, que receberam aplausos de uma assistência repleta de famosos. “Ver esta revista encenada pelo Filipe e com este elenco são as razões que me trouxeram cá. Gosto do teatro de revista e acho que é um género que não devíamos deixar morrer”, referiu Ricardo Pereira à chegada.
Após duas horas e meia de espetáculo, seguiu-se um cocktail durante o qual os convidados deram os parabéns aos atores e encenador. “Correu muito bem, hoje foi uma plateia especial e foi muito bom rever tantos colegas”, admitiu Marina Mota. “Tem sido uma festa, já não me lembrava que a revista era assim! Reabri este teatro com a Maldita Cocaína e há 20 anos que não vinha cá. É muito bom regressar”, assegurou Joaquim Monchique.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras