Nas Bancas

451493310.jpg

D.R.

Oscar Pistorius não tinha problemas psiquiátricos quando matou a namorada

O julgamento foi retomado esta segunda-feira, depois do relatório psiquiátrico realizado ao atleta sul-africano ter revelado que este não tinha problemas mentais.

Redação CARAS
30 de junho de 2014, 13:53

Oscar Pistorius não tinha problemas psiquiátricos quando matou a namorada, Reeva Steenkamp, em fevereiro de 2013. O relatório foi apresentado hoje em tribunal, depois de o atleta sul-africano ter sido submetido a uma avaliação do seu estado mental no último mês.
O julgamento de Pistorius foi retomado esta segunda-feira, dia 30, em Pretória, depois de o juiz ter determinado a suspensão das audiências durante um mês para proceder à avaliação psiquiátrica do atleta sul-africano. A defesa de Pistorius alega que este sofria de uma perturbação de ansiedade no momento em que disparou sobre a namorada.
Oscar Pistorius, de 27 anos, defende que alvejou a modelo atrás da porta da casa de banho por engano, por achar que se tratava de um intruso. Tanto a defesa como a acusação aceitaram as conclusões do relatório.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras