Nas Bancas

Joana Vasconcelos traz o cacilheiro ‘Trafaria Praia’ de Veneza para Lisboa

“Este foi o meu maior desafio, pela importância e dificuldade que envolvia.” (Joana Vasconcelos)

Redação CARAS
2 de maio de 2014, 18:22

Depoisdo sucesso que teve na Bienal de Veneza, em 2013, o Trafaria Praiachegou a Lisboa. O cacilheiro que Joana Vasconcelos transformou paraaquela exposição vai estar aberto ao público com travessias no rio Tejo e ainauguração decorreu no dia 25 de abril, no Cais do Sodré. Ali, os convidadospuderam apreciar a forma como a artista plástica transformou o cacilheiro numaobra de arte com o exterior revestido por um painel de azulejos em azul ebranco que reproduz a vista de Lisboa. Um desafio que Joana Vasconcelosconfessa ter sido um dos maiores da sua carreira: “Foi sem dúvida o maiorpela importância e dificuldade que envolvia. Este projeto demorou um ano,envolveu mais de 200 pessoas e foi uma luta contra o tempo. E ver este projetoem Lisboa tem um lado mais sentimental. Vê-lo vivo, a funcionar e com um futuroé emocionante, pois as pessoas podem usufruir dele e isso é uma dinâmica quenunca esperei ter.” Inaugurá-lo do dia em que se comemorava os 40 anos darevolução não foi, obviamente, um acaso: “Esta data foi propositada e foi umtrabalho conjunto com o Mário Ferreira e com a ajuda da Câmara Municipalde Lisboa e do Porto de Lisboa. É uma data simbólica e uma celebraçãoimportante à qual queria estar associada, pois mudou a minha vida. Os meus paiseram exilados e depois do 25 de Abril puderam regressar ao seu país e é porisso que eu sou hoje uma artista portuguesa.”
Um dos parceiros fundamentais deste projeto foi a Douro Azul e no dia dainauguração em Lisboa o seu proprietário, Mário Ferreira, fã confesso dotrabalho de Joana Vasconcelos, contou: “A Joana fez-me um convite elançou-me um desafio para podermos operar um navio na lagoa de Veneza duranteseis meses, o que foi difícil. Mas conseguimos e transportámos milhares depessoas. Agora trouxemo-lo para Lisboa e esperamos que o sucesso seja aindamaior.”
O Secretário de Estado da Cultura, Jorge Barreto Xavier, e o presidenteda CML, António Costa, foram convidados para dar um passeio no Tejo abordo do Trafaria Praia. “Já viajei em Veneza, onde esta obra de artefoi uma excelente representação do nosso país, e agora vai continuar a ser umaboa embaixada e atração no nosso Tejo”, afirmou o autarca.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras