Nas Bancas

Pedro Guedes e Kelly Baron: “A nossa relação é perfeita”

O manequim e a advogada brasileira partilharam com a CARAS alguns dos melhores momentos vividos na terra natal dela, Curitiba, no Brasil.

Redação CARAS
1 de maio de 2014, 12:00

Desde que se apaixonaram,no reality show da TVI Big Brother Vip, há quase um ano, que PedroGuedes, de 34 anos, e Kelly Baron, de 27, têm vindo aconstruir uma relação cada vez mais sólida. Prova disso foi a viagem de doismeses que fizeram a Curitiba, Brasil, onde vive a família de Kelly e onde osdois aproveitaram para descansar, trabalhar e fortalecer a união. Em Portugalficou Maria Gabriela, de seis anos – nascida do casamento, entretan­toterminado, de Pedro com a manequim Telma Santos – sobre a qual omanequim preferiu não falar. Kelly também não se alongou, mas revelou: “Já aconheci, é maravilhosa, linda e querida.”
– Estiveram dois meses no Brasil. Como é que correram?
Pedro – Foram umas férias super positivas. A família da Kelly éfantástica, fui recebido de braços abertos e senti-me em casa. Eles são muitocalorosos, tal como a minha família, e encontrei muitas semelhanças.
Kelly – Quando chegámos tínhamos a minha família toda à nossa espera eforam muitos os momentos de convívio. Fomos juntos a várias festas eaniversários, deu para ele conhecer toda a gente. O Pedro é muito querido portodos, já foi adotado pela minha família.
– E já decidiram se vão ficar em Portugal ou no Brasil? Ou vão viver emponte aérea entre os dois países?
Pedro – Pois a ideia é fazer verão o ano inteiro. [risos] O importante éque a ponte entre Portugal e o Brasil já foi construída e, felizmente,sentimo-nos em casa nos dois países. Assim, vamos ficar aqui no verão e quandovier o frio vamos para o Brasil, sempre atrás do sol...
– Mas neste caso conciliaram a viagem de lazer com trabalho...
Sim, fomos convidados para ser imagem de uma marca brasileira de roupade praia, e assim juntámos o útil ao agradável.
Kelly – Apesar de convites para trabalhos, optámos por fazer apenas umdeles, por já haver um compromisso firmado antes da nossa ida para o Brasil.
– Há grandes diferenças culturais ou só o facto de falarem a mesma línguafacilita?
Pedro – As diferenças são que o Brasil é um país muito maior quePortugal, não fazemos norte a sul em seis horas, mas a gastronomia e a maneirade ser é muito boa, por isso só vejo coisas positivas.
– Esta passagem por Curitiba serviu para descansarem?
Pedro – Também... Deu para dormir, fiz muito surf, umaloucura, sempre com a minha musa na praia à espera...
Kelly – Eu não me importo nada. Adoro praia, apanhar sol e vê-lo asurfar. Além de descansar, serviu também para estar ao lado das pessoas queamo. Renovar as energias e voltar com a bateria carregada!
– Como é que está a vossa relação?
Pedro – Perfeita. Gostamos de fazer desporto, comer saudável e serfelizes.
Kelly – A cada dia que passa o sentimento e a confiança aumentam.Acreditar na relação e olhar para o futuro é um ponto positivo que nos fazamadurecer. E nisto somos iguais.
– O facto de se terem conhecido num programa de televisão não vos fez temerque fosse uma relação efémera?
Pedro – Acho que o importante não é o local onde nos conhecemos, mas sima forma como nos temos conhecido um ao outro. E isso fazemos todos os dias,sempre com surpresas boas!
– E quan­do é que percebeu que esta não era uma paixão e que poderia ser umarelação sólida?
A paixão é que faz com que as relações fiquem sólidas, por issopercebo isso todos os dias.
– Neste momento já têm perspetivas de futuro a dois definidas?
Continuarmos a ser felizes e termos saúde e trabalho.
– Casar-se pela segunda vez é uma hipótese que pondera?
Acho que tudo na vida acontece naturalmente, se o casamento acontecervai ser por isso mesmo: porque aconteceu naturalmente.
– Que características gostam mais um no outro?
A Kelly é super divertida, muito obstinada em estar bem física epsicologicamente, adora fazer uma vida simples e saudável.
Kelly – O que mais me atrai no Pedro é a inteligência, a maneira deviver e de desfrutar da vida.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras