Nas Bancas

António Augustus: Uma vida cheia de sucesso e celebrada todos os dias

Desde 1995 que a CARAS registou alguns dos momentos mais marcantes não só da vida pessoal do costureiro como alguns marcos da sua carreira no mundo da moda.

Redação CARAS
29 de abril de 2014, 15:00

Dizia muitas vezes que festejava a vida todos os dias. António Augusto, 64 anos, morreu na manhã de domingo, dia 20 de abril, vítima de cancro na vesícula. Desde o diagnóstico até à morte passaram duas semanas, que nem lhe deram tempo para assimilar o diagnóstico: cancro da vesícula em estado avançado e já com metástases no cérebro. A única coisa a fazer foi tornar os últimos dias mais suaves, evitando as dores com cuidados paliativos. A seu lado, sempre, estiveram a mulher, Clara Currêa, e as duas filhas, Raquel, de 34 anos, e Bianca, de 31, os seus grandes amores e às quais Augustus, como gostava de ser tratado, sempre fez questão de demonstrar a “dimensão do amor incondicional”, como nos referiu Clara já depois da morte do marido, adiantando: “Com ele aprendi a viver com coragem, alegria, humor, harmonia e a cultivar em tudo o que faço o dom da alegria; a ser família.”
Augustus nasceu na Figueira da Foz em julho de 1949. Estudou em Paris e em Londres, optando por um curso de Relações Públicas porque, apesar de gostar de moda, nunca pensou que essa iria ser a sua área de trabalho. No entanto, viajou para Angola, onde os seus pais viviam, e onde acabou por abrir uma loja em Luanda. Em 1975 regressou a Portugal e um ano depois inaugurou a sua primeira loja em Lisboa. Em 1977 montou ateliê e começou a fazer as suas coleções de alta costura, que apresentava duas vezes por ano. Em 1979, o seu nome ganhou notoriedade nacional quando apresentou um desfile a bordo de um avião da TAP.
Amália Rodrigues, Rosa Lobato de Faria, Teresa Gui­lherme, Margarida Prieto, Fernanda Pires da Silva e Raíssa Gorbatchova (mulher do do último presidente da URSS, Mikhail Gorbatchev) foram algumas das suas clientes famosas. Em maio de 2002, Maria José Ritta, mulher do então Presidente da República Jorge Sampaio, chegou a desfilar para Augustus, numa edição do Portugal Fashion no Casino da Figueira da Foz.
A par e passo da sua carreira profissional bem sucedida, também a vida afetiva de Augustus foi um êxito. Na década de 70 o costureiro perdeu-se de amores pela colombiana Clara Currêa, que estava em Portugal de visita aos pais, na altura embaixadores da Colômbia no nosso país. Conheceram-se por intermédio de amigos e nunca mais se separaram, casando-se a 6 de outubro de 1978. No ano seguin­te nascia a primeira filha, Raquel, e em março de 1983 Bianca completou a família. Até 2009, quando o costureiro e a mulher celebraram o nascimento da primeira neta, Carolina, filha de Raquel, que há um ano teve outra menina, Constança.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras