Nas Bancas

Oceana Basílio e Abel Xavier falam sobre a separação

Oceana Basílio, atriz que podemos ver atualmente na série da RTP ‘Bem-vindos a Beirais’, e Abel Xavier, que foi treinador do Olhanense até outubro último, estiveram juntos três anos. Interrompido ficou o sonho de terem um filho em comum.

Redação CARAS
20 de abril de 2014, 10:00

Em maio de 2011, quando apareceram juntos na XVI Gala dos Globos de Ouro, Oceana Basílio e Abel Xavier foram um dos casais sensação da noite. Apaixonados, assumiram publicamente no Coliseu dos Recreios o romance que tinha começado meio ano antes e mostraram estar a viver uma fase de descoberta e enamoramento. No entanto, a história de amor do ex-jogador de futebol e da atriz, que faz parte do elenco da bem-sucedida série da RTP Bem-Vindos a Beirais, terminou recentemente. Não querendo adiantar os pormenores que levaram a esta rutura e se poderá ou não haver uma reconciliação, Abel Xavier apenas confessou, quando contactado pela CARAS: “Fui, sou e sempre serei um amigo incondicional da Oceana.” Também em exclusivo à nossa revista, Oceana Basílio confirmou a separação e revelou: “Desta relação vou guardar os melhores momentos. O Abel é uma pessoa que vou respeitar sempre.”
Recorde-se que os dois decidiram inicialmente manter alguma discrição em relação ao namoro por considerarem prematuro, mas assim que assumiram o amor, não pouparam nos elogios mútuos. “O Abel é um grande companheiro, sabe tratar muito bem uma mulher. Fazia outra ideia dele, tinha uma imagem preconcebida. Depois conheci-o e descobri uma pessoa maravilhosa que poucos conhecem”, revelou Oceana. Também o antigo internacional português descreveu a atriz como uma mulher “lutadora e persistente (...) uma pessoa muito especial. Conhecemo-nos de uma forma profunda e íntima. É uma pessoa na qual me revejo totalmente. Temos mesmo uma grande cumplicidade e espero que continue a existir sempre este sentimento forte entre nós, que é fundamental.” E nem o facto de terem de viver um namoro à distância, uma vez que Abel passava algum tempo nos EUA e no Dubai, foi impedimento para solidificar o namoro. “É preciso muita confiança quando se namora com alguém que não está sempre presente, por isso, temos o cuidado de nos mimarmos muito um ao outro. Qualquer amor tem de ser alimentado”, disse Oceana à CARAS em junho de 2011.
Com filhos de anteriores relações – Oceana é mãe de Francisca, de nove anos, e Abel é pai de David, de 18, e Lucas, de dez –, viviam uma grande harmonia familiar e um filho em comum era um desejo. “Como de qualquer outro assunto, já falámos sobre ter filhos. Quando estamos bem com alguém fala-se disso... Faz parte dos meus planos voltar a ser mãe, mas não para já”, revelou a atriz no verão de 2011. Só o casamento nunca foi primordial para ambos. “Oficializar a relação não é essencial. O importante é estarmos bem um com o outro. (...) Não acho que seja uma prioridade. Se um dia nos casarmos será mais para comemorarmos o nosso amor perante os outros”, adiantou Oceana à CARAS. Nenhuma das hipóteses acabaria por se concretizar.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras