Nas Bancas

Morreu António Augusto

O costureiro lutava contra um cancro na vesícula, que lhe foi detetado há apenas duas semanas.

Redação CARAS
20 de abril de 2014, 13:43

António Augusto morreu hoje, aos 64 anos. O costureiro e estilista português lutava contra um cancro na vesícula que lhe foi diagnosticado há apenas duas semanas e estava internado no Hospital Cuf Infante Santo, em Lisboa.
António Augusto Loureiro Ferreira nasceu a 7 de junho de 1949, na Figueira da Foz, mas foi viver para Angola com a família quando ainda era criança. O gosto pelo desenho e confeção de roupas surgiu muito cedo, ainda que não fosse levado muito a sério. Estudou em Paris e em Londres e quando regressou a Angola começou a criar vestidos para as amigas e para a mãe.

Em 1973 abriu uma loja em Luanda, já sob o nome artístico pelo qual era conhecido, Augustus. O sucesso não tardou e nesse mesmo ano abriu o segundo espaço com o seu nome. Dois anos depois, com as movimentações inerentes ao 25 de Abril, a sua família abandonou Angola e regressou a Portugal. Bastou apenas um ano para que abrisse a sua primeira loja em Lisboa. E foi precisamente na capital portuguesa que, em 1978, abriu o seu atelier, onde recebia as suas clientes e criava as suas peças de alta-costura. Chegou a vestir top models internacionais como Claudia Schiffer e Karen Mulder.
Era casado com Clara Currea, com quem tem duas filhas: Raquel e Bianca.
O corpo de António Augusto estará em câmara ardente na Basílica da Estrela, em Lisboa, a partir das 18h00. No mesmo local será celebrada uma missa amanhã, segunda-feira, às 15h00. O funeral segue depois para o cemitério do Alto de S. João, onde será cremado.
A CARAS apresenta as suas condolências à família e aos amigos de António Augusto.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras