Nas Bancas

José Wilker: O eterno malandro

O ator brasileiro morreu no passado dia 5 de abril, vítima de enfarte.

Redação CARAS
15 de abril de 2014, 15:00

Mais do que bonito, José Wilker era charmoso. O poder de sedução deste ator – que foi, sem dúvida, um dos maiores galãs brasileiros dos últimos 40 anos – residia tanto no seu talento para representar como no seu sorriso malandro, que Portugal descobriu em 1975, na personagem que o lançou para a fama, o Dr. Mundinho de Gabriela.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras