Nas Bancas

Woody Allen

Woody Allen

Getty Images

Woody Allen volta a desmentir alegados abusos sexuais à filha adotiva

Dylan Farrow enviou uma carta aberta enviado New York Times na qual relata os abusos de que diz ter sido vítima por parte do realizador.

Redação CARAS
3 de fevereiro de 2014, 17:02

Passados 20 anos de tersido acusado de abusos sexuais pela filha adotiva Dylan Farrow, na altura com sete anos, Woody Allen volta a ser confrontado com este escândalo. Tudo porquea jovem, que entretanto mudou de nome e tem agora 28 anos, resolveu escreveruma carta aberta publicada num blogue do jornal New York Times, na qual relata pormenorizadamente os alegados abusossofridos na infância.
Em comunicado, um porta-voz do cineasta, de 78 anos, afirma: “O Sr. Allen leu o artigo e considera-ofalso e lamentável. Ele responderá em breve”. O representante referiu aindaa investigação feita em 1993, quando o caso foi levado tribunal: “Na altura decorreu uma investigação pedidapelo tribunal e conduzida por especialistas independentes. Ficou concluído que nãoexistiam provas de abusos, que Dylan Farrow não tinha a capacidade de distinguira realidade da imaginação e que estava a ser instruída pela mãe, Mia Farrow [que estava adivorciar-se de Allen depois de 12 anos de união]. Não houve qualquer acusação formal”.
Clique aqui para saber mais pormenoresdeste caso

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras