Nas Bancas

Valérie Trierweiler

Valérie Trierweiler

Getty Images

Valérie Trierweiler tem viagem humanitária marcada para este fim de semana

Continua ainda por esclarecer se a jornalista ainda é primeira-dama de França.

Redação CARAS
25 de janeiro de 2014, 15:06

François Hollande ainda não esclareceu se Valérie Trierweiler ainda é primeira-dama de França, depois de ter sido tornado público o seu alegado romance com a atriz Julie Gayet e de a jornalista ter estado internada para tratar um “profundo esgotamento”. Para já, sabe-se apenas que Valérie teve alta há oito dias, após ter passado outros tantos no hospital, que esteve a descansar numa residência oficial nos arredores de Paris e que tem programada uma viagem humanitária de dois à Índia, com início marcado para este fim de semana.
Najat Vallaud Belkacem, porta-voz do presidente francês, confirmou que a deslocação resulta de uma parceria com a organização Fundação Contra a Fome, mas disse durante uma entrevista à BFM TV não saber “se é uma viagem oficial”. Vallaud Belkacem recusou-se a fazer mais comentários sobre o assunto e quando questionado sobre o facto de Trierweiler ser ou não primeira-dama de França, apenas disse: “Hollande já disse que esclarecerá as coisas em tempo útil”.
De facto, o presidente francês aproveitou uma conferência de imprensa a propósito da renovação do seu mandato para afirmar que queria deixar este escândalo resolvido antes de iniciar a visita oficial aos Estados Unidos, marcada para dia 11 de fevereiro. Até porque, antes de a revista Closer tornar pública a alegada traição, estava previsto que Valérie Trierweiler acompanhasse François Hollande nesta deslocação oficial.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras