Nas Bancas

Marta e Miguel Relvas vão ser pais de uma menina, que deverá nascer em maio

A CARAS encontrou Marta Relvas às compras para a filha. A mulher do ex-ministro dos Assuntos Parlamentares, Miguel Relvas, revelou que o casal irá continuar a viver em Portugal, pelo que a bebé deverá nascer em Lisboa.

Redação CARAS
20 de janeiro de 2014, 10:46

A CARAS encontrou MartaRelvas às compras para a bebé que deverá nascer em finais de maio. Feliz, amulher do ex-ministro dos Assuntos Parlamentares, Miguel Relvas,aproveitou uma manhã livre dos seus afazeres no Departamento de RelaçõesInternacionais da Associação Industrial Portu­guesa para comprar algumas roupaspara a sua primeira filha. Discreta, Marta estacionou o carro perto do Jardimda Estrela, em Lisboa, entrou na Mariazinha, uma loja de roupa clássica parabebé e criança, e saiu aparentemente feliz com as suas escolhas.
Recorde-se que este será o primeiro filho de Marta e o segundo de MiguelRelvas, que já é pai de Filipa, de 20 anos, fruto do casamento anterior,com Ana Paula Milhano Pintão. Depois da oficialização da sua relação comMiguel Relvas, de 52 anos, durante uma cerimónia civil que decorreu em outubrodo ano passado no Convento do Beato, Marta, que completou 37 anos no iníciodeste ano, vive uma das fases mais felizes da sua vida. Foi dessa felicidadeque Marta Relvas falou quando foi contactada pela CARAS, momentos depois deterem sido captadas as fotos que mostram pela primeira vez a sua barriga degrávida.
– Está grávida de quantos meses?
Marta Relvas – Cinco meses.
– Já sabe se é menina ou menino?
– É uma menina.
– Tinha preferência pelo sexo do bebé?
Preferia uma menina e isso aconteceu.
– Para quando está previsto o nascimento?
– Final de maio.
– Como tem decorrido a gravidez?
– Lindamente.
– A expectativa de ser mãe pela primeira vez é muito grande?
– Qualquer mulher que de­seja ser mãe tem seguramente grandes expectativas.
– Já pensaram num nome para a vossa filha?
– Não, ainda não escolhemos o nome.
– Esta foi uma gravidez planeada?
– Planeada e muito desejada  há bastantetempo.
– Ser mãe era um dos seus sonhos pessoais?
– Sim, definitivamente.
– Está ansiosa com a aproximação da data do parto?
– Estou tranquila.
– A bebé nascerá em Portugal?
– Sim, em Lisboa.
– A Marta não tem planeado ir viver para o Rio de Janeiro, cidade onde o seumarido desempenhará funções de Alto Comissário da Casa Olímpi­ca da LínguaPortuguesa no Brasil?
– Vivemos e continuaremos a viver em Portugal.
– Que valores gostariam de transmitir à vossa filha?
– Justiça e respeito pelo próximo.
– Pode dizer-se que atravessa a fase mais feliz da sua vida?
– Estamos muito felizes com a chegada da bebé.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras