Nas Bancas

Michael Schumacher

Michael Schumacher

Getty Images

Michael Schumacher estava mesmo fora de pista quando caiu

Conclusões dos investigadores que estão a analisar as circunstâncias do acidente que deixou o ex-piloto em “estado crítico”.

Redação CARAS
9 de janeiro de 2014, 16:39

Depois de analisadas asimagens captadas pela câmara que MichaelSchumacher tinha no seu capacete quando caiu na estância de esqui deMéribel, nos Alpes franceses, os investigadores concluíram que o antigo pilotose encontrava bem fora de pista. De acordo com Patrick Quincy, procurador de Albertville, o campeão de Fórmula 1esquiava a uma distância de nove metros fora dos limites de segurança quandoperdeu o equilíbrio e bateu com a cabeça numa rocha. Neste inquérito não foi avaliadaa velocidade a que Schumacher se encontraria, por não ter sido considerado “um elemento importante da investigação”,e exclui-se a hipótese de ter havido algum problema com os esquis.
A investigação concluiu ainda que as normas de delimitação das pistas foramtodas respeitadas pela famosa estância de esqui, pelo que não deverão serimputadas responsabilidades aos seus dirigentes.
Recorde-se que as graves lesões provocadas pela queda que ocorreu a 29 dedezembro deixaram Michael Schumacher em “estadocrítico, mas estável”. O antigo piloto encontra-se em coma induzido nohospital de Grenoble, França, e não existem quaisquer previsões sobre aevolução do seu estado.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras