Nas Bancas

Maria João Bahia cria colar para ajudar a concretizar sonhos de crianças doentes

Maria João Bahia voltou a associar-se à Make a Wish e criou um colar cujas vendas revertem totalmente a favor daquela associação. A ‘designer’ de joias apresentou esta peça na sua loja, na Av. da Liberdade, em Lisboa, onde recebeu muitas amigas e clientes.

Inês Mestre
30 de dezembro de 2013, 12:07

A primeira vez que Maria João Bahia colaborou com a Make a Wish foi há cerca de quatro anos. Uma parceria que correu tão bem que a designer de joias resolveu voltar a criar uma peça para ajudar a associação. Trata-se de um colar com um pendente em prata em forma de estrela – o símbolo da Make a Wish –, em quatro versões diferentes. O valor das vendas reverterá totalmente a favor da associação que ajuda a realizar os desejos de crianças e jovens entre os três e os 18 anos que sofrem de doenças que põem as suas vidas em risco.
Na apresentação do colar, que decorreu durante um cocktail na loja de Maria João Bahia, na Av. da Liberdade, em Lisboa, a designer de joias explicou à CARAS: “Faz parte da nossa génese ajudar quem precisa e é importante que quem tem a sorte de ter saúde e trabalho dê um bocadinho aos outros. Além disso, também nos faz perceber a nossa vulnerabilidade.”
Neste final de tarde, Maria João esteve rodeada por muitas amigas e clientes, entre elas Paula Caetano: “A Maria João é uma das minhas melhores amigas. Acompanho o trabalho dela há muitos anos e tenho muitas peças dela. Gosto da sua imaginação e criatividade e acho que ela é uma artista fantástica, com um estilo único, sóbrio, mas com muita classe."
Responsável pela comunicação do projeto, Isabel Jorge de Carvalho referiu: “Poder realizar o desejo de uma pessoa, por mais pequeno que seja, e proporcionar um momento de alegria é algo extraordinário. E este colar, que se adapta a todas as idades e estilos, é uma boa prenda de Natal e uma maneira fácil de ajudar.”
Mariana Carreira, diretora executiva da Make a Wish em Portugal, lembrou que todos os apoios a esta causa são importantes: “Para podermos realizar desejos, precisamos de apoios, e esta parceria com a Maria João é ótima, porque vai dar-nos dona­tivos e permitir realizar pelo menos um desejo já em janeiro do próximo ano [a entrega de um compu­tador a uma criança].”
Os três filhos da criadora também fizeram questão de dar o seu apoio à mãe. “A maneira que temos de apoiar a nossa mãe no trabalho dela é estarmos presentes nestes eventos”,  frisou o mais velho, João, de 22 anos. Já Martim, de 18, revelou que a designer de joias dá muita importância aos conselhos da família: “A mãe fala sempre connosco, partilha muito das coisas do trabalho e quer saber a nossa opinião.” Victor Freitas

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras