Nas Bancas

Jorge Messi

Jorge Messi

Getty Images

Pai de Messi suspeito de envolvimento com máfia do narcotráfico

A notícia é avançada pelo jornal 'EL Mundo'.

Redação CARAS
17 de dezembro de 2013, 12:03

Jorge Messi está a ser investigado por branqueamento de capitais provenientes do narcotráfico. De acodo com o EL Mundo, o pai do jogador vende bilhetes "especiais" falsos, para eventos organizados por um grupo de máfia e cujas receitas serviam para lavar dinheiro de narcotráfico.
Alegadamente, Jorge Messi seria de intermediário. O pai de Lionel Messi fazia os contactos com bandas de música e convencia o filho e outros jogadores internacionais a participarem nos eventos. Em troca, cobrava uma comissão entre dez e vinte por cento do capital branqueado.
A investigação levada a cabo pela Unidade Central Operacional da Guarda Civil decorre há alguns meses e começou nos eventos de beneficência, realizados pelos Amigos de Messi. Segundo o jornal, a polícia espanhola já ouviu Lionel Messi, Daniel Alves, José Manuel Pinto e Javier Mascherano, futebolistas do Barcelona que terão participado nos referidos eventos.
A notícia foi publicada ontem, dia 16, e para as próximas horas deverá ser publicado um comunicado pelos assessores de Jorge Messi que pondera avançar com um processo contra o jornal El Mundo.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras