Nas Bancas

Sónia Brazão recuperada

“Aprendi a viver com as marcas, não vão desaparecer”, afirma a atriz.

Redação CARAS
12 de outubro de 2013, 16:00

No dia em que veio a público que Sónia Brazão tinha 4,27g/l de álcool no sangue por ocasião da explosão do seu apartamento, que aconteceu em junho de 2011, a atriz preferiu não comentar essa notícia. No Porto para apresentar as novas peças da coleção Sónia Brazão by Eugénio Campos, declarou estar concentrada no trabalho. “Tenho sido convidada para apresentar galas por todo o país, e acompanho os meus médicos em congressos sobre queimados”, afirmou, dois anos e três meses depois de ter dado entrada no Hospital de São José com queimaduras de segundo e terceiro graus em 88 por cento do corpo. “Sinto-me cada vez melhor. Aprendi a viver com as marcas, sei que não vão desaparecer. Hoje já consigo olhar para o meu corpo. Estou viva e, por isso, dou graças a Deus”, afirmou, serena, dias antes do início do julgamento, onde vai responder pelo crime de libertação de gases asfixiantes e explosão na sequência de conduta negligente.
Recorde-se que a explosão registada no apartamento da atriz, situado em Algés – aparentemente por ter aberto os bicos do fogão com intenção de se suicidar – não só a feriu como provocou estragos em várias viaturas e casas vizinhas.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras