Nas Bancas

Rosarinho Cruz

Rosarinho Cruz

Cassiano Ferras

A escolha de... Rosarinho Cruz

Designer de joias e pintora, a filha do aguarelista António Cruz é uma contadora de histórias que tenta transmitir paz com o seu trabalho.

5 de outubro de 2013, 18:00

RosarinhoCruz é, aos 52 anos, umamulher segura e com um traço muito próprio. As suas joias são femininas,elegantes e sóbrias; as suas aguarelas primam pela simplicidade na forma comocontam histórias.
A pintora e designer de joias – que, como diz no seu próprio site,são “lindas de mor­rer” –, é mãe de João, de 32 anos, Marta, de29 (que deu a Rosarinho o seu primeiro neto, Mateus), e Manuel,de 14, e tem nos dois filhos mais novos possíveis seguidores. Uma tradição quea enche de orgulho, já que foi o seu pai, o grande aguarelista António Cruz,que lhe passou a paixão pela arte. A mesma paixão que a levou a encomendar oseu retrato a Diogo Muñoz, o pintor português conhecido pelos seusretratos pop.
O LIVRO – "Os Mais BelosContos de Fadas"
Em criança, não adormecia sem ouvir um conto. E hoje sou eu que osconto, através das joias e aguarelas que crio. Dos muitos que podemos ler nestelivro dos irmãos Grimm, o meu preferido é o da Rapunzel, a princesa delongos cabelos aprisionada numa torre e salva por um príncipe.
O FILME – “Música no Coração“

É difícil dizer quantas vezes vi este filme, mas foram algumas dezenas. Nocinema, com o meu pai, ainda em criança, ou já em adulta, vi-o sempre como sefosse a primeira vez. Trata-se de uma história verídica onde, no final, o amorconsegue “dobrar os duros”. Além da história, também a banda sonora é marcante.Ainda hoje ouço a Edelweiss, que o meu pai me cantava quando erapequenina.
A MÚSICA – “Dreamer“
Dos Supertramp, é uma música da minha adolescência, mas que continua afazer-me sorrir e dá-me muita vontade de cantar. Sou uma sonhadora e, tal comodiz a música, recuso-me a pôr as mãos na cabeça, porque não sou mais que umasonhadora.
O CONCERTO – Elton John

Estava na Toscânia, em Itália, e ele tocou na Piazza Napoleone. O concertocomeçou com Candle in the Wind e eu fiquei muito emocionada. Esta músicaé dedicada a duas grandes mulheres que foram muito mal entendidas: MarilynMonroe e a princesa Diana de Gales.
O BAR – MoMA, Nova Iorque
O MoMA (Museum of Modern Art) tem um bar fantástico do ponto de vistaestético. E só assim é que me interessam os bares, se esteticamente me fizeremfeliz.
O FIM DE SEMANA – Alentejo

Sempre que posso fujo para a Herdade da Ma­tinha, no Cercal do Alentejo.Ali respiro amor e sinto-me em família.
O RESTAURANTE – Cafeína

Apesar de haver cada vez mais restaurantes giros no Porto, o Cafeína émágico! Sugiro o bacalhau à Dilma, nomeado assim depois da visita da pre­sidentebrasileira Dilma Roussef ao Cafeína.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras