Nas Bancas

Gonçalo Santana Lopes com o filho, Sebastião

Gonçalo Santana Lopes com o filho, Sebastião

Alfredo Rocha

Gonçalo Santana Lopes mima o filho: “O Sebastião é o meu maior amor, ser pai é a melhor sensação que há”

O filho mais velho de Pedro Santana Lopes levou o filho Sebastião, de dois anos e meio, à estreia da peça infantil ‘Humor e Húmus’, na Quinta da Regaleira, em Sintra, onde mostrou ser um pai muito atencioso e carinhoso.

Redação CARAS
1 de outubro de 2013, 18:35

Esta foi a primeira vez que Sebastião foi ao teatro, pelo que “estava um pouco assustado”, como nos contou o pai, Gonçalo Santana Lopes, filho mais velho de Pedro Santana Lopes. “É ótimo poder fazer estes programas com ele, apesar de ter ficado com um bocadinho de medo. Também tem andado esta semana mais sensível porque começou a escola e não tem sido fácil. Anda muito choroso e estranha qualquer coisinha e só chama pelo pai e pela mãe. Mas é um menino fantástico, muito calmo e meigo, e também muito mimado... É o primeiro fi­lho, por isso acho que é normal.”
Ser pai é um papel que parece assentar na perfeição a Gonçalo, que se desdobrou em atenções para o filho, de dois anos e meio, durante toda a tarde. “Ser pai é mesmo a melhor sensação do mundo, é o maior amor que podemos sentir. Acho que sou um ‘pai-galinha’. Não sou demasiado preocupado, mas tenho sempre medo das quedas, que ele se magoe. Dizem-me que no segundo filho já serei mais tranquilo.”
Gonçalo e a mulher, Mafalda Castro, querem ter outro filho: “Não sei quando teremos outro filho. Para já, estamos a viver este e a aproveitar cada bocadinho do crescimento do Sebastião, depois logo se vê”, contou Gonçalo.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras