Nas Bancas

Caras festeja maioridade com antestreia do filme sobre a vida da princesa Diana

O átrio do nosso edifício transformou-se numa ampla sala de cinema para, na companhia de muitas caras que fazem as nossas páginas, festejarmos uma idade marcante: 18 anos.

Redação CARAS
30 de setembro de 2013, 10:54

Desde o seu nascimento, há 18 anos, a CARAS tem acompanhado atentamente a vida dos membros da realeza. E porque a princesa Diana, que morreu há 16 anos, foi, desde a primeira hora, figura de destaque nas nossas páginas, fez-nos todo o sentido celebrarmos a entrada na maioridade com a antestreia do filme Diana, que relata, precisamente, os últimos dois anos da vida da princesa de Gales, centrando-se na sua paixão pelo médico paquistanês Hasnat Khan.
O átrio do Edifício São Francisco de Sales, sede da Impresa, em Paço de Arcos, transformou-se assim, por uma noite, numa enorme sala de cinema, à qual se acedia por uma passadeira vermelha com 20 metros, à altura de receber com a pompa e circunstância merecidas os cerca de 200 convidados que quiseram juntar-se a nós nesta noite de festa.
Presença regular nas nossas páginas e também nossa leitora assídua, conforme frisou, Lili Caneças contou que foi também através da CARAS que seguiu o percurso da princesa Diana: “A CARAS acompanha os casamentos, nascimentos e eventos reais sempre com muita qualidade e com as capas mais bonitas, por isso, é através da CARAS que acompanho toda a realeza, assim como acompanhei a vida de Diana, que considero ter sido a personagem mais relevante do século XX. E agora que a revista atingiu a maioridade, desejo que tenha uma vida muito longa, cheia de coisas boas, alegria, saúde, beleza, viagens e muita amizade! Que mantenha o glamour da aristocracia que sempre teve e que, apesar dos tempos conturbados que vivemos, continue com o seu sentido ético e estético.”
Paula Lobo Antunes e Jorge Corrula foram dos primeiros a chegar, e a atriz confidenciou que estava muito curiosa em relação a este filme, que reúne duas mulheres que mais admira: Diana de Gales e a atriz que lhe dá vida, Naomi Watts: “Acho que a escolha da Naomi se enquadra na perfeição, adoro o trabalho dela. E a princesa Diana ainda está muito presente nas nossas memórias, lembro-me de que chorei muito no dia da sua morte. Acho que foi a primeira vez que chorei a morte de alguém que não conhecia! Admirava-a muito, era uma mulher extraordinária”, disse a atriz, aproveitando a ocasião para nos dar os parabéns: “A CARAS é uma revista de referência, muito cuidadosa e elegante, em que sei que posso confiar. É uma revista bonita, com histórias bonitas, e isso é maravilhoso.”
Acabados de chegar do Brasil, Maria João e Stefano Saviotti, fizeram questão de estar presentes, até porque tinham bastante curiosidade em saber um pouco mais sobre a história de vida da princesa. “Estou bastante curiosa por ver este filme, já que a Diana foi uma mulher que sempre me intrigou e que mesmo após a sua morte continuou a intrigar-me”, contou Maria João.
Para Rosalina Machado, cinéfila assumida, esta acabou por ser uma noite muito especial, já que há 22 anos que não ia ao cinema com o marido, Francisco: “A CARAS também faz parte da minha vida, e tenho acompanhado estes 18 anos com muito carinho. Foi por isso que consegui convencer o meu marido a vir ao cinema passados 22 anos!”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras