Nas Bancas

Lionel Messi e o pai ouvidos hoje por alegados delitos fiscais

Os dois são ouvidos num tribunal de Barcelona

Lusa
27 de setembro de 2013, 11:58

O futebolista argentino do FC Barcelona Lionel Messi e o seu pai serão hoje ouvidos no tribunal de instrução 3 de Gavà (Barcelona) como arguidos por alegados delitos de fraude fiscal.
A audição tem a ver com alegados crimes fiscais cometidos pelos dois no valor de mais de quatro milhões de euros obtidos pela gestão dos direitos de imagem de Messi.
Segundo o Tribunal Superior de Justiça da Catalunha (TSJC), o pai do jogador, Jorge Horacio Messi, começou a ser ouvido às 10h00 horas (09h00 em Lisboa) e a Leo Messi às 11h00 (10h00 em lisboa), dez dias depois da data inicialmente prevista para as audições, adiadas a pedido da defesa.
Messi chega a tribunal para ser ouvido por alegada fraude fiscal
O futebolista argentino Leo Messi, avançado do FC Barcelona, foi hoje recebido maioritariamente com aplausos e com alguns gritos de "ladrão" à sua chegada a um tribunal onde vai ser ouvido por alegada fraude fiscal.
Messi, que chegou ao tribunal de Gavá, em Barcelona, cerca das 11h00 locais (10h00 em Lisboa) é arguido, juntamente com o seu pai Jorge Messi, num processo de alegada fraude fiscal avaliada em quatro milhões de euros.
Cerca de uma hora depois da chegada do seu pai, o futebolista chegou ao tribunal sorridente, vestindo um fato e acompanhado pela sua equipa de advogados.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras