Nas Bancas

Michael Douglas pede que o deixem ver o filho na prisão

O ator não tem autorização para ver Cameron há dois anos.

Redação CARAS
24 de setembro de 2013, 12:10

Michael Douglas aproveitou o discurso de agradecimento pelo Emmy de Melhor Ator, pelo desempenho em Por Detrás do Candelabro, para fazer um apelo aos responsáveis pelos serviços prisionais americanos. “Peço que me deixem ver o meu filho. Cerca de meio milhão dos nossos presos são toxicodependentes e se um deles tem um deslize é castigado. É o caso do meu filho, que passou quase dois anos em regime de prisão solitária e eu não o vejo desde essa altura. Claro que no início estava profundamente dececionado com o meu filho, mas cheguei a um ponto em que estou muito desiludido com o sistema”, afirmou o ator, de 68 anos.
Cameron, nascido do casamento de Michael Douglas com Diandra Luker, tem 35 anos e em 2009 foi condenado a cinco anos de prisão por posse e tráfico de droga. A esta pena acresceram os quatro anos e meio a que foi condenado depois de ter sido apanhado a traficar droga no estabelecimento prisional.
O filho de Douglas tem passado largos períodos em isolamento, devido ao seu comportamento, e em janeiro desde ano, depois de um teste de drogas com resultado positivo, voltou a este regime, na prisão de Loretto, na Pensilvânia.
Cameron Douglas deverá estar preso até 2018.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras