Nas Bancas

Prémios literários para Paulo Castilho e Marlene Ferraz

Os escritores venceram os Prémios Literários Fernando Namora e Revelação Agustina Bessa- Luís, instituídos pela Estoril Sol.

Marta Mesquita
6 de agosto de 2013, 12:30

Paulo Castilho e Marlene Ferraz receberam, respetivamente, os Prémios Literários Fernando Namora e Revelação Agustina Bessa-Luís, instituídos pela Estoril-Sol. Na cerimónia solene, que decorreu no Auditório do Casino Estoril, Mário Assis Ferreira, presidente do conselho de administração da Estoril-Sol, exaltou as qualidades literárias dos dois escritores: “Quer Paulo Castilho, de entre os consagrados, quer Marlene Ferraz, uma revelação que vem do norte, mais precisamente de Viana do Castelo, trazem contributos inestimáveis à vida literária portuguesa, com a particularidade, em ambos os casos, de serem oriundos de outros ofícios. Afinal, o diplomata de carreira e a psicóloga clínica souberam descobrir o seu ‘outro lado’ no romance, escrevendo de forma assumidamente lúdica e criativa. É obrigatório lê-los.” O júri, presidido por Vasco Graça Moura, premiou Paulo Castilho pelo romance Domínio Público e Marlene Ferraz pelo original A Vida Inútil de José Homem.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras