Nas Bancas

Simone de Oliveira emociona-se em espetáculo alusivo ao teatro de revista

A artista subiu ao palco com ‘Esta Vida É Uma Cantiga’, de Henrique Feist e Vítor Pavão dos Santos.

26 de junho de 2013, 15:00

No dia da reabertura doTeatro da Trindade, que esteve fechado durante vários meses para ser alvo deobras, foi com sala cheia que o espetáculo Esta Vida É Uma Cantiga, de HenriqueFeist e Vítor Pavão dos Santos, subiu ao palco. Esta revisitação dosmelhores momentos da revista à portuguesa e da opereta em Portugal contou comas interpretações de Henrique Feist, FF, Wanda Stuart e Anabelae ainda com as participações especiais de Simone de Oliveira e AnitaGuerreiro.
Habituada a pisar os palcos há mais de 50 anos, Simone de Oliveira nãoconseguiu conter as lágrimas ao interpretar uma das músicas. “Costumoconter-me, mas aquele é um poema que me diz muito, que me lembra muita gente ehoje talvez estivesse num estado emocional diferente, já que esta estreia mefez parecer que estava outra vez na revista e andei uma série de anos paratrás”, justificou a cantora e atriz, acrescentando: “Adoro esta gentetoda com quem estive em palco. Foi uma noite muito bonita e recordei muitosmomentos, sobretudo tristes, pois cantei estas músicas quando tinha 25 anos ede lá para cá já desapareceu muita gente. O baú das memórias come­ça a sermuito pesado.”
No final, Henrique Feist estava muito satisfeito com o resultado do seutrabalho, para o qual muito contou o apoio do irmão, Nuno Feist, que feza direção musical: “Na altura em que escre­vi este espetáculo estive cincodias fechado no Museu do Teatro com o Vítor Pavão dos Santos a escolher, aouvir, a ver e a tentar filtrar o que queríamos. Foi difícil. Esta foi umanoite muito bonita e adorei partilhar o palco com estes artistas. Rodeio-mesempre de pessoas de quem gosto.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras