Nas Bancas

Kim Kardashian pediu à mãe para testemunhar no seu processo de divórcio

A ‘socialite’ quer provar que o casamento com o jogador de basquetebol Kris Humphries não fez parte de um plano para o programa de televisão da família.

Redação CARAS
11 de abril de 2013, 12:40

O processo de divórcio de Kim Kardashian está prestes a começar. A socialite americana, que está grávida de cinco meses, pediu à mãe, Kris Jenner, e ao produtor do reality show Keeping Up with the Kardashians, Farnaz Farjam, para testemunharem no próximo mês de maio, de forma a confirmarem a tese de que o seu casamento de 72 dias com Kris Humphries não foi um arranjo para a televisão. O jogador de basquetebol quer o anulamento da união, alegando que este foi baseado numa fraude, que tinha como único objectivo conseguir audiências para o reality show.
Os papéis entregues pela advogada da socialite, Laura Wasser, mostram que Kim “não enganou Humphries para casar com ela”. Para corroborar a tese de Kardashian, espera-se que Kris Jenner mostre “comunicações sobre a relação dos dois”.
As suas irmãs, Khloe e Kourtney Kardashian, e o seu namorado, Kanye West, não estão na lista das testemunhas. Até ao momento, a lista com os nomes das pessoas que testemunharão a favor de Kris Humphries ainda não foi entregue.
Recorde-se que Kim Kardashian e Kris Humphries se casaram numa luxuosa cerimónia em agosto de 2011 e separaram-se dois meses depois. A socialite espera o primeiro filho, fruto da relação com o rapper Kanye West.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras