Nas Bancas

160634728.jpg

Getty Images

Detido um dos suspeitos do ataque ao diretor do Ballet Bolshoi

Sergei Filin foi atacado na cara com ácido, no passado mês de janeiro.

Redação CARAS
5 de março de 2013, 12:34

A polícia russa informou hoje que deteve para interrogação um suspeito do ataque ao diretor artístico do Ballet do Teatro Bolshoi.
Sergei Filin foi vítima de um ataque no passado dia 18 de janeiro, perto da sua casa, quando um desconhecido lhe atirou ácido para a cara provocando queimaduras graves no rosto e nos olhos.
"No decurso da investigação ao ataque contra Sergei Filin, agentes da polício moscovita detiveram hoje um dos suspeitos para interrogatório", explicou a polícia em comunicado não adiantando mais detalhes.
"É uma notícia muito boa para nós", reagiu o Bolshoi através da sua porta-voz, Katerina Novikova. "Se se conseguiu chegar ao autor material do ataque, há esperança de encontrar a pessoa que o encomendou."
O diretor artístico de uma das companhias de ballet mais prestigiadas do mundo encontra-se em recuperação na Alemanha e, depois de ter sido submetido em Moscovo a três intervenções cirúrgicas oculares, não precisará de mais operações. Sergei Filin espera regressar ao trabalho este verão.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras