Nas Bancas

Irmã de Carlos Castro "chorou de felicidade" após condenação de Renato Seabra

Depois do julgamento, Amélia Castro afirmou ainda estar "feliz" pela condenação do modelo.

Redação CARAS
1 de dezembro de 2012, 11:09

Amélia Castro está em Nova Iorque há dois meses, desde o início do julgamento de Renato Seabra e ontem, após a condenação do jovem pela morte de Carlos Castro, a irmã do cronista social conta como foi ouvir o veredito.
"Foi muito duro, mas por ele (Carlos Castro) faria qualquer coisa. Chorei de felicidade. Estou feliz", disse Amélia Castro à saída do tribunal.
Renato Seabra foi ontem, dia 30 de novembro considerado culpado por homicídio em segundo grau e assistiu à leitura do vereditode cabelo rapado, sentado junto aos seus advogados e vigiado por quatro polícias.
O jovem enfrenta agora uma pena mínima de prisão 15 anos a perpétua e máxima de 25 anos a perpétua e a leitura da sentença ficou marcada para 21 de dezembro.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras