Nas Bancas

Elisabete Carvalho desiste de providência cautelar contra Vítor Baía

A ex-companheira de Baía exigia que fosse reposta a água e a luz na casa onde vive com o filho de ambos, Afonso.

Joana Brandão
23 de outubro de 2012, 15:36

Elisabete Carvalho desistiu da providência cautelar interposta contra Vítor Baía, onde exigia a reposição da luz e da água na casa onde mora com o filho de ambos, Afonso, e que também procurou legalizar como morada de família. No dia em que o caso ia ser apresentado no 3.º Juízo Cível do Porto, para o qual se apresentou Fernando Póvoas como testemunha do antigo guarda-redes, e Inês Portinha, da parte da diligente, a ex-companheira de Vítor Baía resolveu retirar a providência cautelar.
Em conversa com o advogado de Elisabete Carvalho, a CARAS ficou a saber que a desistência se deveu ao facto desta já ter água e luz na habitação, e de, legalmente, a casa onde vive com Afonso já ser a morada oficial da família. "Não faz sentido darmos seguimento ao processo uma vez que está regularizada a situação e o que exigíamos já é efetivo", explica Nuno Remédios.
Por resolver está agora a entrega da propriedade a Fernando Póvoas. Depois de meses à espera que Elisabete Carvalho entregasse a chave do imóvel, que comprou há mais de um ano a Vítor Baía, o médico fez saber que vai apresentar uma providência cautelar, ainda este mês, para recuperação do bem. "Posso desistir da providência cautelar se entretanto ela tiver outro comportamento", concluiu.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras