Nas Bancas

Sofia Escobar canta com José Carreras e revela que está de casamento marcado

“O José Carreras é uma referência no mundo da música clássica. Admiro-o como artista e como ser humano.” (Sofia)

Redação CARAS
17 de outubro de 2012, 16:22

Na véspera de se apresentar a solo no Centro Cultural Vila Flor, em Guimarães, sua cidade natal, Sofia Escobar cantou ao lado do tenor José Carreras no Pavilhão Multiusos daquela cidade. Com os pais, a irmã e o noivo, o ator madrileno Gonzalo Ramos, na plateia, a jovem soprano viveu momentos de grande emoção, como referiu à CARAS: “O José Carreras é uma referência no mundo da música clássica e estou muito contente por poder cantar com ele. Admiro-o como artista e como ser humano. Ele tem um coração muito grande e é arrepiante cantar em dueto com ele.
Recorde-se que Sofia Escobar, de 28 anos, desempenha o papel de Christine no musical O Fantasma da Ópera, em cena no West End londrino, que lhe valeu o galardão de Melhor Atriz de Teatro Musical em Inglaterra e a nomeação para um Laurence Olivier Award.
Sofia e Gonzalo, que atualmente vivem em Londres, aproveitaram esta vinda a Portugal para visitar os espaços onde querem celebrar o seu casamento, marcado para 21 de setembro de 2013. Uma data especial, como revelou a cantora: “A minha vida mudou radicalmente des­de que conheci o Gonzalo, na porta dos artistas do Her Majesty’s Theatre. E quando fizemos um ano de namoro, no dia 21 de setembro, ele saiu de minha casa e deixou um recado na porta para eu ir ter com ele a Sloane Square. Quando lá cheguei, percebi que me ia pedir em casamento, porque estava super nervoso. Depois, fez tudo à moda antiga. Quando veio a Portugal, pediu a minha mão em casamento ao meu pai, sem eu saber, foi muito bonito. Estamos radiantes!
Quanto a Gonzalo, de 23 anos, diz ser “o fã número um” da noiva. “A convivência com ela é mágica e estamos cada vez mais apaixonados”, afirmou o ator, que podemos ver na série Física o Química, na SIC Radical.
Até ao casamento, Sofia vai manter-se na capital britânica, mas depois tudo está em aberto. “Eles gostam do meu trabalho, ofereceram-me mais um ano de contrato, e é complicado dizer que não, porque é um trabalho fantástico, mas começo a sentir vontade de ter outros desafios, de fazer outros papéis.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras