Nas Bancas

Sofia Carvalhosa partilha o seu lado mais familiar, ao lado do pai e da filha

A arquiteta e o pai, Mário Carvalhosa organizaram uma prova de golfe no Algarve, durante a qual tiveram a companhia de Inês, filha de Sofia. Na ocasião, os três provaram ter uma relação muito cúmplice.

Marta Mesquita
5 de agosto de 2012, 10:56

Além de serem pai e filha, Mário e Sofia Carvalhosa são igualmente colegas profissionais, pois ambos têm empresas na área do golfe, o que lhes permite trabalhar em conjunto. Muito próximos, a arquiteta e empresária garante que no ano passado viveu um período muito complicado e difícil quando viu o pai entre a vida e a morte devido a um grave problema de saúde que agora está ultrapassado.
Foi durante uma prova no Le Me­ridien Penina Golf & Resort,  no Algarve, no âmbito do 22.º Cir­cuito Golfe & Comunicação, que testemunhámos a cum­plicidade entre Sofia, Mário e Inês, de seis anos, filha da empresária.
– Como surgiu a vossa paixão pelo mun­do do golfe?
Mário Carvalhosa
– A minha paixão pelo golfe surgiu há 35 anos, mas só comecei a organizar este torneio há 24. Gosto desta área, porque me permite estar com as pessoas e estes cenários em que jogamos são lindíssimos. Depois, podemos relaxar e descontrair, o que é difícil durante a semana.
Sofia Carvalhosa – Eu não sou uma jogadora assídua, mas quis seguir este caminho que acaba por me ser familiar. E nesta área posso fazer várias coisas que adoro, como conhecer pessoas e estar com elas. Com esta profissão, tenho tempo para as atividades que considero essenciais, como estar com a minha família e amigos. Não tenho aquele horário das nove às onze, que hoje em dia já nem é das nove às cinco! Preciso de tempo para me dedicar aos meus.
– É fácil trabalhar com a sua filha?
Mário – É fácil, porque aqui a Sofia é uma profissional. Cada um de nós tem a sua empresa e área de trabalho, mas comple­mentamo-nos. Trabalhamos em conjunto e nisso não deixamos de ser família. Somos uma equipa. Quando deixar de fazer isto, sei que a Sofia pode levar esta competição para a frente, como, aliás, já comprovei o ano passado, quando passei por um período muito delicado no que diz respeito à minha saúde e a Sofia fez todo o trabalho tão bem ou melhor do que eu, como me disseram muitos participantes.
Sofia – O meu pai é um mestre naquilo que faz e é um privilégio para mim poder aprender. Depois, temos feitios iguais, o que na maior parte das vezes facilita a comunicação entre nós.
– Acredito que ultrapassar essa fase tão delicada vos tenha unido mais como família...
–  O meu pai e eu somos muito próximos, aliás, na minha família somos todos unidos. E com tudo o que aconteceu, esses laços ainda se estreitaram mais. Acho que o ano passado foi a pior altura da minha vida, por causa desta situação muito complicada de saúde que o meu pai viveu. Agora ele está bem, recuperou lindamente. Claro que fiquei com uma perspetiva diferente da vida. Quando somos abanados desta forma, crescemos e ganhamos uma série de receios que existem, mas que até então ignorávamos. Deixei de viver naquele mundo cor de rosa.
Mário – Comecei a pensar mais no presente e deixei de projetar tanto as coisas. Andava sempre preocupado com o amanhã. Diverte-me imenso permanecer aqui. Lutei pela minha vida e fico contente por continuar cá. Hoje em dia tenho cuidados que antes não tinha, não como aquilo que quero... Mas as minhas filhas estão sempre a ralhar comigo, porque sou um bocadinho desobediente.
Sofia – Por acaso, sempre vivi muito o dia-a-dia. A minha perspetiva de vida é: ‘Se estou feliz hoje, amanhã vou estar mais.’ Vivo o hoje como se não houvesse amanhã.
– E parece que agora ainda tem mais motivos para estar feliz, porque há uma nova pessoa na sua vida...
– É verdade, mas não gosto de falar desse lado mais privado da minha vida. Estou muito feliz, a vida é boa. Sinto que tudo está equilibrado.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras